Guitarrista do Pearl Jam escreve carta emocionante em tributo a Chris Cornell

Stone Gossard publicou texto no site da banda, na última quinta, 20, dia em que o vocalista do Soundgarden completaria 53 anos

Rolling Stone EUA Publicado em 21/07/2017, às 16h49 - Atualizado às 17h41

Stone Gossard e Chris Cornell

Ver Galeria
(2 imagens)

Para homenagear Chris Cornell, que cometeu suicídio em maio e teria completado 53 anos na última quinta, 20, Stone Gossard, guitarrista do Pearl Jam, escreveu uma carta emocionante para o músico.

No site do Pearl Jam, Gossard, que tocou com Cornell no supergrupo Temple of the Dog, afirmou que a morte do artista ainda parece algo “próximo” para ele. O guitarrista revelou que acorda frequentemente no meio da noite e se lembra de Cornell. “Uma ausência cresce em meu estômago e lentamente se transforma em algo repetitivo, como uma galáxia distante ou a imagem de uma TV quebrada.”

LEIA TAMBÉM

Assista ao último videoclipe feito por Chris Cornell

Eddie Vedder sobre morte de Chris Cornell: “Era alguém que eu admirava como um irmão”

“Eu não posso e nem vou deixá-lo ir”, diz irmão de Chris Cornell em tributo ao cantor

Depois, ele falou sobre a tremenda falta que o amigo faz na vida dele. “Eu estou tão triste, de uma maneira egoísta, por não poder nunca mais te ver, tocar com você, ou fazer parte da sua vida”, escreveu. “Eu sempre achei que passaríamos mais tempo juntos quando ficássemos mais velhos, que amaríamos e seríamos amados como sonhávamos… mas esse foi o seu tempo e você o compartilhou conosco. Obrigado.” Leia a carta, na íntegra, aqui.

Em outra homenagem ao aniversário de Cornell, a ONG norte-americana Childhaven anunciou que fará o Chris Cornell Music Therapy Program (Programa de Terapia Musical de Chris Cornell, em tradução livre), que visa ajudar crianças e famílias a superarem traumas. Vicky Cornell, viúva do músico, doou US$ 100 mil para a organização, pela fundação Chris and Vicky Cornell.