Stooges, Genesis e ABBA entrarão para o Hall da Fama do Rock em 2010

Hollies e Jimmy Cliff também serão homenageados no dia 15 de março, em Nova York

Da redação Publicado em 13/01/2010, às 17h10

Stooges, Genesis e ABBA irão entrar para o Hall da Fama do Rock & Roll em 2010, ano que marca o 25º aniversário do museu. Além deles, a banda sessentista Hollies e o ícone do reggae Jimmy Cliff também serão homenageados.

Iggy Pop disse que sua banda aguardava com paciência para que essa honraria acontecesse. "Fomos rejeitados sete vezes e acredito que bateríamos o recorde se isso acontecesse novamente", disse o frontman do Stooges, em entrevista à Rolling Stone EUA. "Já estava me sentindo deprimido. Tive uma reação emocional durante duas horas após saber da notícia. Então, eu cocei minha cabeça e pensei 'Ainda sou legal? Ou isso já acabou?'"

Se Iggy já esperava a honraria, o mesmo não aconteceu com o ABBA, uma vez que a novidade veio como uma grande surpresa, segundo falou Benny Andersson, um dos fundadores do quarteto sueco. "Não achei que fosse acontecer, já que somos uma banda pop e não rock", disse Andersson. "Sendo um estrangeiro do pólo norte, isso até que faz eu me sentir muito bem."

O Hall da Fama do Rock já conseguiu reunir grupos que estavam há muito tempo separados, como o Led Zeppelin e o Talking Heads, para tocar nas cerimônias do evento. Graham Nash diz querer se apresentar ao lado do Hollies pela primeira vez desde 1983; já uma reunião do ABBA é menos provável de acontecer - os suecos, separados desde o mesmo ano, já recusaram inúmeros convites para tocarem juntos.

"Acredito que seja bem difícil, porque Agnetha [Fältskog] não está andando de avião", revelou Andersson, referindo-se à sua ex-companheira de grupo. "Acho que, não realizando o show, estamos fazendo um favor às pessoas que são realmente apaixonadas pelo ABBA", completou. O artista disse que não descartaria completamente uma performance na cerimônia, mas já deixou claro que a possibilidade é remota: "São 99 [chances] contra 1".

Uma reunião do Genesis, que também relembraria o período de Peter Gabriel na banda, é mais provável de acontecer - apesar de Phil Collins ter tido problemas médicos que o deixaram praticamente incapaz de tocar bateria. "Eu não acho que Peter deva estar empolgado para tocar as músicas do Genesis do começo dos anos 1970", contou o tecladista Tony Banks. "Ele é um pouco arisco, mas provavelmente conversarei com ele e verei se existe algum conceito em que ele queira trabalhar. Não sinto uma grande necessidade em tocar. Me contento em beber."

Em outro estilo musical, Jimmy Cliff, que é conhecido internacionalmente por seu trabalho como ator e com a trilha sonora do filme Balada Sangrenta, de 1972, será o segundo artista do reggae a integrar o Hall, após Bob Marley, que entrou em 1994. O músico ainda não comentou sua entrada para o museu.

O evento ocorrerá no dia 15 de março de 2010, em Nova York.