Tarantino processa site que divulgou roteiro de The Hateful Eight

Vazamento do roteiro fez com que o diretor desistisse do sucessor de Django Livre

Redação Publicado em 27/01/2014, às 18h58 - Atualizado às 19h11

Quentin Tarantino
AP

Todo mundo ficou decepcionado ao descobrir que o novo projeto de Quentin Tarantino, The Hateful Eight, foi cancelado depois que o roteiro vazou. “Estou muito, muito deprimido”, disse o diretor. “Terminei o roteiro, uma primeira versão, e não queria gravar até o próximo inverno, daqui um ano. Dei para seis pessoas, e aparentemente vazou hoje.” Tarantino explicou que se não podia confiar em seis pessoas, não tinha mais vontade de levar o filme adiante, mas que iria publicar o roteiro em algum momento.

O Melhor Amigo de Django: austríaco Christoph Waltz rouba a cena em Django Livre, segundo filme consecutivo como coadjuvante de luxo de Quentin Tarantino.

Pouco depois do anúncio do diretor, o blog Defamer, do site Gawker, postou um link que redirecionava ao download de 146 páginas do roteiro de The Hateful Eight. Após enviar uma série de pedidos ao site, que se recusou a remover o link, Tarantino resolveu tomar medidas legais. “A Gawker Media faz negócio a partir de jornalismo predatório, violando o direito das pessoas de ganhar um trocado”, diz o texto do processo contra o site, cuja cópia foi obtida pela revista The Hollywood Reporter. “Desta vez, eles foram longe demais [..] A Gawker Media cruzou o limite do jornalismo ao se promover perante o público como a primeira fonte que leu o roteiro inteiro ilegalmente.”

Entrevista: chegando à casa dos 50, Quentin Tarantino comemora a boa forma de sempre com seu filme mais ambicioso, Django Livre.

Essa não é a primeira vez que o site se envolve em polêmicas. O ator Hulk Hogan entrou com um processo contra a empresa quando a sex tape dele com a também atriz Rebecca Gayheart foi divulgada. O Gawker também teve que tirar do ar as informações sobre o futuro livro da atriz Lena Dunham, da série Girls.

Um porta-voz da Gawker se pronunciou afirmando que a empresa ainda não recebeu o processo de Tarantino.