Taylor Swift, BTS e Bruce Springsteen: veja os maiores artistas que de alguma forma ficaram fora do Grammy 2020

Mesmo com recordes de vendas ou faixas indicadas a música do ano, esses artistas ficaram de fora das categorias mais importantes da premiação

Redação Publicado em 21/11/2019, às 12h35

None
Taylor Swift, Bruce Springsteen e BTS (Montagem: Reprodução/ Richard Shotwell/ Brad Barket/ Invision / AP)

A lista de indicações da 62º edição do Grammy Awards foi divulgada na última quarta, dia 20, e surpreendeu muito ao deixar vários artistas relevantes de fora das principais categorias da premiação.

Seja BTS, que conquistou com força o mercado internacional em 2019, Taylor Swift com Lover, ou Bruce Springsteen com o primeiro disco solo em anos, nomes fortes e com produções significativas no ano ganharão destaque na cerimônia, para o desespero de muitos fãs.


Taylor Swift

Apesar de indicada à estatueta de Artista da Década no American Music Awards, e de receber 3 boas indicações no Grammy (Música do Ano, Melhor Álbum Vocal de Pop e Melhor Performance Pop Solo), o disco Lover, sucesso da Taylor Swift,  passou longe da indicação a Álbum do Ano.

+++LEIA MAIS: Por que é injusto que o BTS não tenha sido nomeado a nenhum Grammy? 


BTS

2019 foi o ano em que a boyband de k-pop conquistou o mundo. O disco de platina Boy With Luv ficou em oitavo lugar na Billboard Hot100, e o clipe do hit ganhou o recorde de vídeoclipe online mais visualizado em 24 horas. O BTS também se tornou o primeiro grupo asiático a bater 5 bilhões de reproduções no Spotify, mas mesmo assim não tiveram nem uma indicação.


Bruce Springsteen

O “The Boss” sempre teve um lugar especial nas votações do Grammy, com 20 estatuetas acumuladas ao longo da carreira. Em 2019 ele lançou o décimo nono disco, Western Stars - o primeiro trabalho solo desde 2012 -, muito aclamado pela crítica. Entretanto, Bruce Springsteen não teve sequer uma indicação.

+++LEIA MAIS: Billie Eilish, Lil Nas X e Lizzo são os artistas mais indicados ao Grammy 2020; veja a lista


Halsey

A colaboradora do BTS em "Boy With Luv" evidentemente teve um grande ano também. Halsey se apresentou no Emmy Awards e no CMA, e teve o primeiro hit número 1 das paradas com "Without Me". Mas Halsey ficou completamente de fora da premiação.


Shawn Mendes e Camila Cabello

O dueto "Señorita" do casal foi um dos melhores singles de 2019, conquistou o primeiro lugar na Billboard Hot 100 e foi a música que chegou mais rápido a 1,5 bilhão de plays, mas passou longe da indicação a Música ou Gravação do Ano. "Señorita" foi apenas indicado a Melhor Performance Pop de Duo/Grupo.

+++LEIA MAIS: Noel Gallagher, do Oasis, quer muito se guitarrista dos Smiths em possível reunião


Lady Gaga, com a trilha sonora de Nasce Uma Estrela

Sim, o trabalho da diva no filme recebeu dois Grammys na edição de 2019, porém a trilha sonora completa só foi lançada na janela de indicação para a cerimônia de 2020. As músicas compostas para o filme Nasce Uma Estrela ficou de fora da categoria Álbum do Ano, mas Lady Gaga pelo menos recebeu uma indicação a Música do Ano por "Always Remember Us This Way".