‘Tiger King’ foi assistida por 64 milhões de pessoas e quase tira o posto de La Casa De Papel, na Netflix, diz site

A plataforma de streaming revelou os dados de consumo do primeiro trimestre de 2020

Redação Publicado em 22/04/2020, às 10h50

None
Tiger King (foto: Reprodução / Netflix)

Tiger King quase tirou o posto de La Casa de Papel de produção mais assistida na Netflix no primeiro semestre de 2020. Segundo o site Deadline, as informações foram divulgadas na última carta ao investidor da plataforma de streaming. 

Lançado dia 20 de março, no início da quarentena,Tiger Kingfoi assistido por 64 milhões de espectadores fascinados com a história bizarra de Joe Exotic, o zoológico de tigres dele e a batalha com a ativista Carole Baskin.

Além disso, a Nielsen também divulgou números sobre o documentário e revelou que 34,3 milhões de pessoas viram a produção nos 10 primeiros dias após o lançamento, o que totaliza 5,3 bilhões de minutos assistidos. A empresa ainda relatou que o último episódio da série, disponibilizado dia 12 de abril, foi visto por 4,6 milhões de espectadores apenas no primeiro dia.

+++ LEIA MAIS: 4 filmes super curtos (e incríveis) para assistir na Netflix

Já a aguardada Parte 4 de La Casa de Papel, lançada dia 3 de abril, foi vista por 65 milhões de espectadores. A nova temporada dá continuidade ao arriscado assalto ao Banco da Espanha comandado pelo Professor.

É importante ressaltar que as visualizações são contabilizadas a partir do momento que o público assiste mais de dois minutos da produção. 

Apesar do sucesso das duas produções e do estímulo ao uso das plataformas de streaming durante a quarentena de coronavírus, The Witcher ainda vence em números de visualizações. A série estrelada por Henry Cavill estreou no mês de dezembro e teve 76 milhões de reproduções. 

+++ LEIA MAIS: 13 séries de terror para sentir medo na Netflix: Ares, Dark, Residência Hill e mais [LISTA]

Com a crise da covid-19, a Netflix revelou que passou de 16 milhões de assinantes para 183 milhões. Apesar do crescimento, a empresa afirmou que espera o quanto antes o fim do isolamento social.

“Temos plena consciência de que temos a sorte de ter um serviço que é ainda mais significativo para pessoas confinadas em casa e que podemos operar remotamente com interrupções mínimas a curto e médio prazo.”

A plataforma continuou: "Como outros serviços de entretenimento, estamos vendo um aumento temporário nas visualizações e nos números de assinantes [...] Esperamos que as visualizações diminuam e o crescimento de membros desacelere à medida que o confinamento em casa terminar, o que esperamos que seja em breve".


+++ SESSION RS: SCALENE TOCA ASSOMBRA