Tom Jobim é tema de exposição permanente no Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Itens como o piano do compositor serão exibidos pela primeira vez

Redação Publicado em 28/10/2012, às 10h31

Tom Jobim
Divulgação

Na próxima terça, 30, o Instituto Tom Jobim irá inaugurar nova exposição para homenagear seu patrono. A mostra permanente Tom Jobim - Música e Natureza pretende levar parte da história do compositor para o Jardim Botânico do Rio de Janeiro, onde a entidade está instalada.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

São objetos relacionados à carreira e à vida de Tom Jobim que pretendem cobrir as diversas fases criativas do músico. O período em que viveu em Ipanema, sua influência na Bossa Nova, seu trabalho no exterior e sua profunda ligação com a natureza são alguns dos temas que receberam atenção.

Esta será, por exemplo, a primeira vez que o piano Weimar de Jobim estará acessível ao público, ao lado de fotos, partituras, manuscritos e outros itens do tipo. A curadoria da mostra é de Paulo e Elianne Jobim, e a exposição irá ocupar 190 m² do parque carioca. A entrada é gratuita.