Tom Morello detona de fã que reclamou de política em Rage Against the Machine

O músico sempre foi transparente em relação aos posicionamentos políticos

Redação Publicado em 10/06/2020, às 18h07

None
Tom Morello, guitarrista do Rage Against the Machine (Foto: Branimir Kvartuc / AP)

Tom Morello detonou um fã no Twitter nesta terça, 9. O perfil de nome Scott Castaneda reclamou sobre as músicas do Rage Against the Machine falarem de política. Além da banda, o músico sempre foi conhecido por ser transparente em relação aos posicionamentos dele para além das canções. 

+++LEIA MAIS: Menina de 10 anos toca guitarra, baixo e bateria de 'Guerrilla Radio', do Rage Against the Machine, em suporte ao movimento Black Lives Matter; assista

O perfil escreveu: "Eu era um fã até ver as suas opiniões políticas. Música é meu santuário e a última coisa que eu preciso é ouvir suas merdas políticas enquanto estou ouvindo. No que depender de mim, você acabou. Continue falando e você vai destruir a sua fanbase.". 

Sem perder a oportunidade de responder, Morello escreveu: "Scott!! De qual das minhas músicas você era fã que NÃO contém ‘merdas políticas’?! Eu preciso saber para que eu possa apagar do catálogo."

Após a resposta de Tom Morello, Scott apagou o tuíte. Outros fãs e seguidores do músico também responderam à situação. “Acho que as denúncias contra o Rage Against The Machine por conta do posicionamento deles estão entre as coisas mais hilárias que já vi na internet”, escreveu um perfil. 

+++LEIA MAIS: Música de resistência negra: playlist com hinos de Rage Against the Machine, Beyoncé e mais

Além disso, como aponta o Metalsucks, alguns perfis também lembraram que o nome da banda é político, já que significa “ódio contra a máquina”, e nele, a “máquina” é um sinônimo para o “sistema”.


+++ DELACRUZ | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO