Tom Zé diz que governo Bolsonaro é ignorante: 'Não há governo mais analfabeto'

À Folha de S. Paulo, cantor Tom Zé criticou destruição do meio ambiente causada pelo governo Bolsonaro; confira

Redação Publicado em 10/10/2021, às 10h00 - Atualizado em 12/10/2021, às 10h20

None
Tom Zé (Foto: divulgação)

Prestes a completar 85 anos, o cantor Tom Zé é mais um dos muitos artistas brasileiros indignado com o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Para o tropicalista baiano, o governo atual é "ignorante" e "não há outro mais analfabeto" no mundo.

"No mundo não há governo mais analfabeto. Nunca se viu nem se pensou que pudesse ter uma coisa dessa no mundo. O mundo está admirado," afirmou Tom zé em entrevista ao site do jornal Folha de S. Paulo

+++ LEIA MAIS: Sepultura: ‘Brasil está uma bagunça’, diz Andreas Kisser sobre pandemia no país

O músico, como aponta a reportagem, procura fugir dos noticiários diários, mas sempre lê as primeiras páginas dos jornais e se encontra em "comoção" com a destruição do meio ambiente causada pelo governo. 

"O próprio governo incentiva a mineração ilegal, que destrói rios, matas e leva doenças para os indígenas. É um governo ignorante," enfatiza Tom Zé sem mencionar o nome de Bolsonaro, e prossegue: "Imagine dizer que os índios são habitantes miseráveis de regiões ricas? Os indígenas não fazem exploração de rios porque a vida deles é que conserva a natureza". 

+++ LEIA MAIS: Parlamento Europeu envia carta a Bolsonaro em defesa dos povos indígenas

Tom Zé está se preparando para gravar a partir do dia 1 de setembro o próximo álbum de inéditas, de nome Língua Brasileira, que segundo define próprio "se propõe a desvendar a formação do idioma falado por aqui".  As informações são do site Folha de S. Paulo.


Prefeito de Nova York manda recado para Jair Bolsonaro

O prefeito de Nova York Bill de Blasio mandou um recado para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na segunda, 20. Em pronunciamento, o gestor afirmou que, se o chefe de Estado não quiser se vacinar "nem precisa vir" à cidade.

+++LEIA MAIS: Bolsonaro entra em hotel pelos fundos para driblar protesto em Nova York

Bolsonaro foi a Nova York para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) nesta terça, 21. O presidente brasileiro, como é tradição, será o responsável por fazer o discurso de abertura do evento.

Em pronunciamento, Bill de Blasio disse: “Com os protocolos em vigor, precisamos enviar uma mensagem a todos os líderes mundiais, principalmente Bolsonaro, do Brasil, que se você pretende vir aqui, você precisa estar vacinado. Se você não quer se vacinar, nem precisa vir.”

+++LEIA MAIS: Integrante da equipe de Bolsonaro em Nova York testa positivo para covid-19

O prefeito de Nova York continuou: "Todos precisam estar em segurança e juntos, isso significa que todos precisam ser vacinados. A grande maioria das pessoas nas Nações Unidas, a grande maioria dos estados-membros estão fazendo a coisa certa."