Tommy Lee promete sair dos EUA se Trump for reeleito

Nas redes sociais, o músico já declarou várias vezes ser contra o presidente atual

Redação Publicado em 14/10/2020, às 18h53

None
Donald Trump e Tommy Lee (Foto 1: Mark Seliger e Foto 2: CC-BY Glenn Francis)

Em entrevista ao The Big Issue, via Consequence of Sound, Tommy Lee, baterista do Motley Crue, revelou como não aguentaria mais um governo de Donald Trump

Nas redes sociais, o músico já declarou várias vezes ser contra o presidente atual dos Estados Unidos. E, na conversa, o baterista declarou que se mudaria caso Trump ganhasse as novas eleições.

+++ LEIA MAIS: Tommy Lee, do Motley Crue, comenta momento bizarro de Trump com a bandeira dos EUA: 'Que diabos há de errado com você?"

"Juro por Deus se isso acontecer, então irei visitar o Reino Unido - estou fora daqui [EUA]. Vou voltar para minha terra natal, voltar para a Grécia e conseguir uma casa em uma das ilhas”, enfatizou Lee.

Para quem não sabia, o baterista nasceu em Atenas, Grécia. Com cerca de um ano de idade, o pai estadunidense levou a família para os Estados Unidos.

+++ LEIA MAIS: Tommy Lee, do Motley Crue, viraliza com carta aberta a Donald Trump - que ele nem escreveu

Na conversa, o músico ainda disse: "Eu sinto que somos embaraçosos. Eu sinto que as pessoas na Europa e no resto do mundo olham para a América e pensam: ‘Que porra vocês estão fazendo aí? Pare de votar em celebridades e faça com que alguém de verdade governe o país'”.


+++ OROCHI | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL