Tony Iommi relembrando nervosismo antes do show do Black Sabbath no Live Aid: ‘Ensaiamos por uma hora’

Apresentação no evento histórico reuniu formação clássica da banda

Redação Publicado em 15/07/2020, às 12h12

None
Black Sabbath (Foto: Reprodução / Instagram)

Black Sabbath estava entre a seleção de artistas escalados para tocar no show histórico do Live Aid, um evento beneficente para arrecadar fundos no combate à fome na Etiópia. A banda subiu no palco do John F. Kennedy, na Filadélfia, há 35 anos, na data que marcou o Dia Mundial do Rock.

Como lembra o site NME, a apresentação marcou o primeiro show com a formação clássica da banda desde 1978, com Tony Iommi, Ozzy Osbourne, Geezer Butler e Bill Ward no palco. 

Em entrevista à SiriusXM, o guitarrista relembrou o nervosismo antes do show. “Foi maravilhoso. Foi ótimo estar com os caras novamente. Para ser sincero, foi um pouco surreal”, contou Iommi. “Eu estava no estúdio trabalhando. Era algo incomum para mim vir [direto do estúdio e, de repente, nos próximos dias, ali estávamos no palco na frente de todas as pessoas”. 

+++ LEIA MAIS: Tony Iommi diz que Ozzy é péssimo para falar ao telefone: ‘Me ligava às 2h da manhã’

A banda só conseguiu ensaiar por uma hora antes do show. “Nós nunca fizemos isso antes. Sempre ensaiamos por um tempo para shows”, explicou Iommi. “Mas aquele foi um ensaio rápido por uma hora ou algo assim, e no dia seguinte, claro, no palco. Então foi um pouco estressante, porque não sabia como seria com o equipamento e todo o resto”. 


+++ 15 HISTÓRIAS INACREDITÁVEIS (E REAIS) DE OZZY OSBOURNE