Tutela de Britney Spears não muda depois de audiência

Ainda que a diva pop tenha exigido liberdade, a justiça ainda não concedeu novas atualizações sobre o caso

Redação Publicado em 20/08/2020, às 10h41

None
Britney Spears (Foto: Chris Pizzello / Invision /AP)

Como relatamos, Britney Spears não quer mais que o pai, Jamie Spears, seja o tutor legal dela. De acordo com o The New York Times, o advogado da artista fez um pedido na justiça no qual enfatizou a necessidade de "uma grande reforma em como sua tutela é administrada é necessária para refletir seu estilo de vida atual e seus desejos".

+++ LEIA MAIS: Free Britney: do sonho ao pesadelo, como todos nós estragamos a vida de Britney Spears

Além disso, a artista também exige um quer um banco ou outra instituição financeira para administrar os negócios. Jamie é tutor da filha após a diva pop sofrer um colapso mental em 2007 é a única pessoa responsável pela gestão financeira dela, segundo o TMZ

Ainda de acordo com a publicação, na última quarta, 19, a audiência foi para simplesmente confirmar status e nada mudou a respeito da tutela da artista. As fontes do veículo afirmaram que houve uma declaração de que ela ainda não é capaz de tomar decisões importantes na vida devido às doenças mentais, então as vontades poderiam ser influenciados. 

+++ LEIA MAIS: A polêmica cabeleireira que raspou cabelo de Britney Spears - e depois quis vender por R$4.4 milhões

Nos últimos meses, houve um impulso nas mídias sociais questionando a tutela da cantora e defendendo o fim por meio do movimento #FreeBritney, contudo, fontes ligadas à tutela revelam que os médicos que cuidaram de Britney nos últimos 12 anos afirmam que a tutela é necessária para a segurança e até mesmo sobrevivência. As informações são do TMZ


+++ DECLACRUZ SOBRE FILHOS, VIDA E MÚSICA: 'ME ENCONTREI NO AMOR, NA FAMÍLIA, NO LADO BOM'