Twitter de Trump é hackeado, e a senha da conta era mais óbvia do que você pode imaginar

Victor Gevers compartilhou os prints para provar que entrou na conta

Redação Publicado em 18/12/2020, às 16h41

None
Donald Trump, presidente dos EUA (Foto: Mark Seliger)

Um homem chamado Victor Gevers afirmou que fez login na conta oficial de Donald Trump no Twitter com a senha ‘maga2020!’ em outubro deste ano. As informações são do Consequence of Sound

+++LEIA MAIS: Com vitória de Biden, Kamala Harris se torna 1ª mulher negra a ser vice-presidente dos EUA

Gevers compartilhou os prints para provar que entrou na conta de Trump no dia 16 de outubro. Logo após, o Team High-tech Crime, a unidade da Holanda, começou a investigar para determinar se as alegações de invasão eram verdadeiras ou não - e, agora, os resultados foram compartilhados.

"Acreditamos que o hacker realmente entrou na conta do Twitter de Trump, no entanto, [ele] atendeu aos critérios que foram desenvolvidos na jurisprudência para se tornar um hacker ético", explicou a empresa.

+++LEIA MAIS: Homem vestido de Hulk destrói estrela de Donald Trump na Calçada da Fama

O Ministério Público acrescentou que, embora ser hacker seja um crime na Holanda, as decisões de Gevers, de divulgar o que ele fez para as autoridades dos Estados Unidos e avisar ao presidente para fortalecer a privacidade dele nas redes sociais, o absolveu de qualquer punição.

De acordo com o Consequence of Sound, esta não foi a primeira vez que Gevers entrou na conta de Trump. Em 2016, ele supostamente adivinhou que a senha do então presidente dos Estados Unidos era “yourefired”, e teve acesso ao Twitter.

+++ LEIA MAIS: Em Fita De Cinema Seguinte, Borat volta aos EUA durante a pandemia, se disfarça de Trump e tenta ‘golpe de estado’; assista trailer


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ FROID | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL