Um dos Vingadores da Marvel acaba de se tornar um assassino em massa (nas HQs)

James Rhodes, o Máquina de Combate, cometeu uma atrocidade na edição 17 da revista Tony Stark: Iron Man

Redação Publicado em 30/10/2019, às 09h19

None
Don Cheadle em Vingadores: Ultimato (foto: reprodução Marvel)

Herói nos filmes do MCU, James Rhodes, o Máquina de Combate, acabou de cometer um massacre nas revistas da editora, apesar de ter boas intenções. As mortes dos inocentes aconteceram na edição de número 17 de Tony Stark: Iron Man.

Nesta publicação do Homemde Ferro, Tony e outros heróis se unem para impedir um dos vilões mais recentes da Marvel: o Ultron-Pym, um ciborgue resultado de uma fusão do corpo humano e mente de Hank Pym, o Homem-Formiga, com a inteligência artificial do mal Ultron.

+++LEIA MAIS: Fã recria armadura ultra tecnológica do Homem de Ferro para o Halloween; veja o vídeo

Este vilão possui uma aparência bizarra, ele é meio máquina e meio orgânico, com o corpo mutilado de Hank Pym, e, além de submeter Tony ao mesmo processo (o herói se encontra fundido à própria armadura na revista, e por consequência a saúde dele está se deteriorando), ele também atrai diversas pessoas doentes com a promessa de curá-las e as modifica com componentes cibernéticos.

As vítimas do Ultron-Pym se tornam então zumbis-robôs, sem controle sobre o que fazem, e é aí que James Rhodes entra. Ao confrontar os capangas, o Máquina de Combate mata todos os que encontra sem remorso:

Essa atitude choca todos os outros heróis, como Tony, a Vespa e Bethany Cabe, a mulher que costumava atuar como Máquina de Combate 2.0, já que eles acreditam fielmente na possibilidade de reverter o processo de fusão entre carne e componentes cibernéticos, e o “Rhodey” justifica a matança falando que vê apenas monstros que precisam de um fim ao sofrimento deles.

+++LEIA MAIS: Batman ou Homem de Ferro: qual é o super-herói mais rico? E por quê? [ANÁLISE]

Logo após os assassinatos, Tony recebe uma ligação das Indústrias Stark avisando que conseguiram produzir uma cura ao processo de fusão com máquina. Rhodes também escuta o anúncio e fica em choque ao descobrir que matou inocentes com chances de serem salvos.

O Máquina de Combate foge então, para retornar na série Iron Man 2020, prevista para ano que vem segundo a Marvel. Mas qual será o papel dele e como essa atrocidade irá moldar o enredo ainda será mostrado.