Umbrella Academy: Todas as teorias da conspiração mencionadas na 2ª temporada

A segunda parte da série faz referência a várias teorias da conspiração, desde a Área 51 até o Estado Profundo

Redação Publicado em 29/08/2020, às 13h00

None
Cenas da segunda temporada de Umbrella Academy (Fotos: Reprodução)

[Atenção! O texto a seguir contém spoilers da segunda temporada de The Umbrella Academy]

A segunda temporada de Umbrella Academy trouxe mais viagens no tempo, problemas com a Comissão e descobertas sobre a história da família Hargreeves. Além disso, os novos episódios da série da Netflix apresentaram uma narrativa mais complexa com referências a várias teorias da conspiração. 

O canal oficial da plataforma de streaming no Youtube compartilhou um vídeo especial para  revelar e explicar todas as teorias mencionadas ao longo da segunda parte do seriado, em ordem cronológica. O clipe ainda mostra as origens de cada conspiração e as chances dela ser real.

Com base no vídeo publicado pela Netflix, a Rolling Stone Brasil listou todas as 11 teorias citadas na segunda temporada de Umbrella Academy. Confira: 

Área 51 

No primeiro episódio da segunda temporada, Cincodescobre um laboratório improvisado de um vendedor de televisores que reúne informações sobre a chegada misteriosa dos irmãos Hargreeves nos anos 1960. Ao ver os estudos do investigador amador, Cincopergunta: “Já ouviu falar da Área 51? Roswell?”.

A Área 51 é uma das teorias da conspiração mais famosas da cultura pop. Em 1947, uma suposta nave alienígena caiu na cidade de Roswell, no estado do Novo México, nos EUA. Na época, um jornal local retratou o incidente e afirmou que os militares haviam recolhido os restos de um objeto voador - que teria sido levado para a Área 51. 

Porém, no dia seguinte, o veículo desmentiu a versão e um general declarou que o objeto não passava de um balão. A mudança de posicionamento gerou suspeitas e instigou teorias sobre o trabalho do governo em regiões restritas. Mais tarde, outras hipóteses surgiram e afirmaram que a nave, na verdade, era uma tecnologia aérea para monitorar teste nucleares soviéticos.

+++LEIA MAIS: Amou Simplesmente Acontece? Conheça Lovesick, série da Netflix sobre paixão entre melhores amigos perfeita para maratonar


Big Dairy

Ao longo dos episódios, diversas referências ao leite são exibidas, desde vacas até vans de entrega da bebida. Além disso, os assassinos suecos, que tentam matar Cinco, se disfarçam de entregadores de leite e tomam a bebida pura. 

Existe uma teoria chamada Big Dairy, que afirma que a indústria do leite conspira junto com o governo dos Estados Unidos para vender a bebida como parte indispensável de uma dieta saudável quando, na verdade, 25% dos norte-americanos não são capazes de digerir  as substâncias dela. 

Além disso, existem outros fatos que incitam a teoria: Fidel Castro quase foi morto pela CIA com um milkshake,  o leite é uma das duas únicas bebidas que podem ser consumidas no Senado e o USDA, responsável por definir o padrão nutritivo do país, também produz cartazes escritos: “Tem leite?”.

+++LEIA MAIS: Revolução teen na Netflix: séries adolescentes invadem o serviço de streaming


Estado Profundo

Na segunda temporada de Umbrella Academy, o espectador conhece mais detalhes sobre a Comissão. A organização não é afetada pelo espaço-tempo e é formada por profissionais que podem ver tudo e matar qualquer um que precise ser eliminado. Enfim, a Comissão controla o destino do mundo independente dos governos.

Estas características são extremamente parecidas com as do Deep State, em português, Estado Profundo. Algumas teorias afirmam que existem organizações reais que controlam países inteiros, seja com militares ou vírus capazes de causar uma pandemia. 

Donald Trump é um dos adeptos da teoria e, recentemente, acusou a FDA - Food and Drugs Administration - de manipular os teste contra o coronavírus para as vacinas ficarem prontas após a próxima eleição presidencial norte-americana, segundo informações da Reuters reproduzidas pelo Bol

+++LEIA MAIS: Ryan Reynolds e The Rock se divertem nos bastidores de Red Notice, novo filme da Netflix


O homem do guarda-chuva

No segundo episódio, Cinco e Diego descobrem que Reginald Hargreeves estava presente no momento do assassinato do presidente John F. Kennedy. O futuro criador da Umbrella Academy aparece com um guarda-chuva aberto em um dia de sol próximo ao local em que o líder norte-americano é morto. 

O “homem do guarda-chuva” de fato existiu e testemunhou o assassinato de Kennedy. Alguns dizem que este homem usou o objeto para dar sinal aos atiradores, outros afirmam que o guarda-chuva tinha um mecanismo complexo e escondia uma arma. 

Mais tarde, um homem chamado Louie Steven Witt afirmou que o guarda-chuva era uma referência a Neville Chamberlain, um ministro britânico que tinha o apoio do avô do presidente morto, Joseph Kennedy. Chamberlain é conhecido por tentar apaziguar o nazismo e sempre aparecer em público com um guarda-chuva preto.

+++ LEIA MAIS: Paul McCartney responde ‘piadinha’ de Ryan Reynolds de modo perfeito


Círculos em fazendas 

Essa é outra teoria popular. Diversos filmes, séries e desenhos já fizeram referência à teoria de que aliens, viajantes do tempo ou até mesmo os governos deixam círculos perfeitos em plantações e fazendas. Em Umbrella Academy, Vanya deixa uma marca gigantesca no meio do matagal após usar os poderes. 

Os primeiros relatos sobre as formas misteriosas foram feitos no século XVII e ganharam força na década de 1970. Contudo, algumas marcas foram desmascaradas como pegadinhas.

+++ LEIA MAIS: Quais são as 3 séries da Netflix mais assistidas no mundo?


Os 12 majestosos

Conforme Cinco se instala na casa do investigador amador, Elliott, ele descobre sobre a existência dos 12 majestosos, “uma comissão secreta, militar, do estado profundo” ligada a Reginald Hargreeves

Na vida real, o grupo supostamente foi criado por Harry Truman após os acontecimentos em Roswell. E, em 1984, o cineasta Jaime Shandera recebeu misteriosamente um envelope com informações sigilosas sobre o grupo e as identidades dos participantes, entre eles, os chefes do Escritório de Pesquisa e Desenvolvimento Científico e da CIA. 

A teoria ainda está ligada à morte de Kennedy. Há quem diga que os 12 majestosos quebraram regras de experiências com aliens e foram ameaçados pelo presidente. E, bem, o final nós já sabemos qual é. Contudo, mais tarde, os documentos Shandera foram considerados falsos.

+++ LEIA MAIS: Netflix de salvadora para canceladora de séries?


Experiências com chimpanzés

A segunda temporada de Umbrella Academymostra a origem de Pogo. O chimpanzé foi usado em experiências e mandado para o espaço antes de ganhar capacidades humanas, como a fala e a locomoção sobre duas pernas. 

Não existe exatamente uma teoria sobre o animal, mas, de fato, os Estados Unidos lançou foguetes em direção ao espaço com chimpanzés. Por outro lado, existe uma história suspeita sobre a viagem de um macaco ao espaço feita pelo Irã, em 2013. 

O país afirmou que o projeto tinha sido um sucesso, mas muitos suspeitaram da eficácia do experimento, porque o animal exibido antes e depois do lançamentos apresentaram diferenças físicas.  

+++ LEIA MAIS: Os 78 lançamentos da Netflix para setembro de 2020: Meninas Malvadas, Homem-Aranha, Enola Holmes e mais


Reptilianos

No sexto episódio, Diego alerta Grace sobre a verdadeira identidade de Reginald Hargreeves. Ele diz: “Seu namorado não é o cara legal que você pensa que ele é. Ele e o grupinho dele de lagartos estão planejando matar Kennedy”. 

Segundo Netflix, cerca de 12 milhões de norte-americanos acreditam na teoria dos reptilianos, ou seja, uma espécie poderosa de répteis alienígenas capazes de assumir forma humana para poder assumir cargos influentes e controlar o mundo.

O teórico David Icke ainda afirma que eles são sugadores de sangue. Outras pessoas ainda dizem que a Rainha Elizabeth II, da Inglaterra, faz parte do grupo. Além disso, a teoria dos reptilianos está ligada a outras mais famosas, como os illuminatis.

+++ LEIA MAIS:  Quem é Enola Holmes, a irmã adolescente de Sherlock Holmes vivida por Millie Bobbie Brown no novo filme da Netflix?


O experimento Filadélfia

Quando os irmãos Hargreevesencontram Reginald, Cinco ouve um conselho poderoso sobre viagens no tempo: “Comece pequeno. Segundos, não décadas”.

A cena faz referência ao Experimento Filadélfia. Segundo o Aventuras na História, Albert Einstein se juntou à Marinha norte-americana para tentar tornar um navio invisível. Porém a desembarcação simplesmente desapareceu da base da Filadélfia e reapareceu novamente no Estaleiro Naval de Virgínia, onde um segundo navio testemunhou o fenômeno. 

Alguns marinheiros sofreram queimaduras e outros ainda foram encontrados fundidos à estrutura do barco. Oficialmente, a Marinha negou o experimento e declarou que eram apenas testes para desviar de minas. Além disso, existem registros de que o navio, na verdade estava em Nova York, e as testemunhas no meio do Atlântico.

+++LEIA MAIS: Sobre o que fala The Witcher: Blood Origin, nova série spin-off da Netflix?


MK-Ultra 

Após ser sequestrada pelo governo, Vanya é acusada de ser russa e comunista. Então, ela é submetida à tortura com LSD e eletrochoque. 

Segundo a plataforma de streaming, a CIA começou a fazer testes com LSD em 1953 por acreditar que os comunistas tinham desenvolvido tecnologias para controlar mentes durante a Guerra da Coreia. 

Os Estados Unidos já considerou comprar o estoque mundial da droga e, ao lado de Sidney Gottlieb, também conhecido como "envenenador na chefia", o governo chegou a causar a morte de um homem, que chamou a atenção da imprensa para os experimentos ilegais. Então, a teoria, na verdade, é real.

+++ LEIA MAIS: O que nasceu primeiro, Umbrella Academy ou My Chemical Romance? Gerard Way conta história 'antiga' com quadrinhos


Experimentos na Lua  

A Lua é um símbolo importante para os Hargreeves. Reginald mandou Luther para Lua e  Vanya causou o apocalipse ao explodi-la na primeira temporada. Já na segunda parte da série, um dos integrantes dos 12 majestosos afirma que os interesses de Reginald na Lua não serão afetados.

Bom, o satélite natural da Terra tem um lado iluminado e apontado para nosso planeta e um lado escuro, que é alvo de teorias. Existem pessoas que não acreditam que o homem tenha pisado na Lua, mas, por outro lado, existem pessoas que acham que os governos não só pisaram na Lua, mas possuem informações sigilosas sobre o local. 

De acordo com o escritor Milton William Cooper, Apollo 11 registrou a existência de uma base alienígena e recebeu mensagens para os humanos se manterem longe do local. A nasa já negou as teorias. 

+++ LEIA MAIS: ‘Resumão’ de The Umbrella Academy: vídeo mostra tudo sobre a 1ª temporada


+++ XAMÃ: MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO, DE NIRVANA A TUPAC