Veteranos do Motörhead dão aula na Cidade do Rock

Banda liderada por Lemmy Kilmister executou clássicos em noite metaleira do Rock in Rio

Patrícia Colombo, do Rio de Janeiro Publicado em 26/09/2011, às 02h22 - Atualizado às 14h34

Lemmy botou o Motörhead para tocar "Going to Brazil" diante de 100 mil pessoas no Rock in Rio

Ver Galeria
(2 imagens)

O Motörhead fez um grande show na noite deste domingo, 25, no Rock in Rio. A banda liderada por Lemmy Kilmister incluiu clássicos em seu repertório e contou com coro do público composto pelas 100 mil pessoas que se aglomeravam nas proximidades do Palco Mundo, no Rock in Rio.

Nada mais justo e compatível que integrar o experiente grupo, formado lá nos anos 70, no line-up da noite dedicada ao metal (como disse James Hetfield durante o show do Metallica no mesmo festival, “Lemmy é o padrinho de tudo isso”). “We are Motörhead and we play rock’n’roll”, diz o vocalista. A frase é bastante conhecida pelos fãs da banda (sempre dita nos shows), mas nunca cansa e nunca deixa de fazer sentido, porque é bem isso o que o trio faz: uma aula de rock’n’roll sem firulas.

A voz gutural de Lemmy é inconfundível, assim como sua postura em palco com baixo em mãos e microfone mais alto que ele, posicionado em direção chão. Phil Campbell (guitarra) e Mikkey Dee (bateria) também dão show a parte em seus instrumentos, exemplificando isso em diversos solos ao longo da noite. Entre as músicas que integraram o set list, estiveram “Iron Fist”, “Over the Top”, “I Know How to Die”, “Going to Brazil” (logicamente dedicada aos presentes) e “Ace of Spades”. Na última faixa, “Overkill”, Andreas Kisser se juntou à banda com sua guitarra.