Vídeo de Trump é desativado após bronca do Linkin Park no Twitter; entenda

Presidente norte-americano usou música sem autorização da banda

Redação Publicado em 20/07/2020, às 11h42

None
Clipe de "In The End", do Linkin Park (Foto: YouTube / Reprodução) e Donald Trump (Foto: Mark Seliger)

Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos, iniciou a campanha para tentar a reeleição no cargo. Após repostar um vídeo no Twitter com uma música do Linkin Park como trilha sonora, a rede social desativou o conteúdo por queixa de direitos autorais por parte da banda. 

Segundo informações da UOL, o vídeo usou a música “In The End” sem autorização da gravadora dos músicos. Por isso o retweet do perfil de Dan Scavino, diretor de Mídias Sociais da Casa Branca e assessor de Trump, foi tirado do ar. 

+++ LEIA MAIS: Trump usa música do Panic! At The Disco e Brendon Urie responde do único jeito possível; veja

Linkin Park publicou nas redes sociais que “não apoia Trump, nem autoriza a organização dele a usar nenhuma de nossas músicas”. Diversas postagens do presidente com trilha sonora não autorizada já foram retiradas da rede social, como no caso das músicas de Batman e dezenas de outros artistas como Rolling Stones e Queen. 


+++ 15 HISTÓRIAS INACREDITÁVEIS (E REAIS) DE OZZY OSBOURNE