Vídeo mostra Cuba Gooding Jr. apalpando mulher em boate sem consentimento, mas ator nega acusações

Em menos de um mês, o astro de filmes como Jerry Maguire, Norbit e Mãos Talentosas foi denunciado três vezes por assédio sexual

Redação Publicado em 02/11/2019, às 14h00

None
Cuba Gooding Jr. (Foto: Steven Hirsch/Pool New York Post via AP Images)

Após ser absolvido de duas denúncias por assédio sexual, uma terceira mulher prestou queixas contra Cuba Gooding Jr., astro de filmes como Jerry Maguire, Norbit, Mãos Talentosas, entre outros.

Aos 51 anos, o ator se declarou inocente das novas acusações na Suprema Corte de Manhattan. No entanto, segundo o site norte-americano TMZ, um vídeo de segurança da boate TAO, localizada em Nova York, Estados Unidos, mostra Gooding Jr. passando a mão no ombro e nos quadris de Natasha Ashworth sem consentimento.

+++ Leia mais: Antes do julgamento contra Amber Heard, Johnny Depp vence processo multimilionário de "oito dígitos"

Nas filmagens, a mulher tenta afastá-lo, ao passo que ele insiste e volta a apalpá-la. Ainda de acordo com a publicação, o incidente aconteceu no dia 24 de outubro de 2018, e que o ator, além de enconstar nela sem permissão, também fez comentários sexualmente sugestivos.

Apesar das evidências, Mark Heller, representante legal de Gooding Jr., classificou as acusações como "completamente fraudulentas".

+++ Leia mais: Johnny Depp acusa Amber Heard de "pintar" seus hematomas

Em junho, Cuba Gooding Jr. foi preso por apalpar os seios de uma mulher não identificada à força. Ele se entregou à polícia, mas, após declarar sua inocência, foi liberado pelas autoridades. Agora, ele deve voltar ao tribunal em 22 de janeiro.