Shazam: Zachary Levi conta como trouxe referências como Fortnite para o filme

Com muitas citações de cultura pop, filme do menino que se transforma em super-herói é resgate da leveza nos filmes da DC Comics

Pedro Antunes Publicado em 19/04/2019, às 09h00

None
Zachary Levy como o herói Shazam (Foto: Divulgação)

O primeiro trailer de Shazam, lançado ainda em 2018, mostrava o herói vivido por Zachary Levi a experimentar os poderes do herói. Com um uniforme vermelho espalhafatoso, ele descobria super-força, se era capaz de voar, entre outras habilidades.

Em determinado momento, com um sorriso bobo no rosto, ele celebrava com a conhecida "floss dance" (nome traduzido para algo como "dancinha do fio-dental"), bastante popular entre a molecada depois de aparecer no jogo online Fortnite.

+++ Solta o riff! Rolling Stone Brasil vai premiar o melhor riff com prêmios exclusivos no Instagram

Esse momento foi criado por Levi diante das câmeras no improviso. "Sabe, eu estava pensando sobre o que fazia sucesso entre os jovens que 14 anos, que é a idade de Billy Batson. E é isso com isso que eles estão brincando", ele disse à Rolling Stone Brasil, quando veio a São Paulo para divulgar o filme que já está em cartaz nos cinemas de todo o País.

A entrevista completa, na íntegra, pode ser assistida no player abaixo.  

"Me pareceu fazer sentido que Billy, então, comemorasse seus novos poderes daquela maneira. David [F. Sandberg] gostou e decidiu usar isso no trailer", recorda o ator, que garante ainda curtir algumas coisas dos tempos de adolescente, como ler quadrinhos e jogar videogame.

"Se isso [a dancinha] ajudasse a molecada de 14 anos a passar fio-dental, o mundo seria um lugar melhor."

+++ Sou uma criança no corpo de um adulto: Zachary Levi explica porque é perfeito para fazer de Shazam um sucesso

Depois de tanta seriedade dos filmes da DC Comics, então idealizados pelo diretor Zack Snyder, em filmes como O Homem de Aço, Batman Vs. Superman e Liga da Justiça, o universo cinematográfico da DC Comics encontrou a leveza.

Acertou com Aquaman - o filme com personagem interpretado por Jason Momoa e dirigido por James Wan abocanhou uma bilheteria respeitável que a marca de US$ 1 bilhão - e, agora, repete a dose com Shazam, herói vivido por Zachary Levi.

Um ambiente cinematográfico com estética mais colorida, com doses de humor, é perfeito para a história do menino transformado em herói adulto ao gritar "Shazam!" vivido por Levi. Seu uniforme é vermelho, pomposo, com um raio no peito que realmente se iluminava no set - o que deixa Levi imensamente satisfeito, aliás.

"E como não estar animado com esse filme", diz Levi. "Eu realmente me diverti muito ao ser escalado para interpretar esse personagem."

Shazam é um herói criado em 1940 - na época, conhecido como Capitão Marvel, nome depois trocado, nos anos 1970. Diferentemente dos outros já adultos, o personagem na verdade tem 14 anos e atende pelo nome de Billy Batson (no filme, vivido por Asher Angel).

O jovem recebe os poderes místicos do Mago Shazam por ter um coração puro e, ao gritar o nome do mentor, ele adquire a figura do "humano perfeito" (no caso, é o musculoso Levy, mesmo). Chamado de "o campeão da humanidade", Shazam possui a sabedoria de Salomão, a força física de Hércules, a resistência de Atlas, os poderes mágicos de Zeus, a coragem de Aquiles e a velocidade de Mercúrio.

Por se tratar de um filme de origem, o longa dirigido por  David F. Sandberg (Annabelle 2: A Criação do Mal, de 2017) explora bem a reação do jovem Batson ao se ver no corpo de adulto e, principalmente, com super-poderes.

"O sentimento de Billy Batson ao ganhar os poderes de Shazam são parecidos com os meus ao ser chamado para interpretar esse personagem, poder usar um uniforme incrível e ser pendurado no set, como se eu estivesse voando!", diz, ao garantir que não se trata de balela.

Antes disso, nas redes sociais do próprio, era comum ver o ator divertindo-se com o uniforme vermelho e de capa branca, espalhafatosa o suficiente estar entre o brega e o chique.

"A verdade", segue Levy, "é que eu sou uma criança no corpo de um adulto também".

Levy justifica a afirmação ao contar sobre um terreno comprado recentemente, no Texas, nos Estados Unidos. "Estou montando minha casa ali e estou colocando tirolesas por todos os lados e toboáguas. Afinal, porque não podemos nos divertir com toboáguas e tirolesas por sermos adultos?"

Assista à entrevista completa com Zachary Levi no player abaixo:


+++ Entrevista RS: Di Ferrero fala sobre música pop, vida pós-NX Zero e projeto engavetado com Emicida: