Vin Diesel recusa adiar estreia de Velozes e Furiosos 9 por Coronavírus: "Precisamos de filmes agora mais do que nunca"

O 9º longa da franquia será lançado no Brasil em 20 de maio de 2020

Redação Publicado em 10/03/2020, às 18h21

None
Vin Diesel em Velozes e Furiosos (Foto: Divulgação)

O surto mundial do Coronavírus influenciou a indústria do entretenimento. O festival South by Southwest foi cancelado e o longa Sem Tempo para Morrer teve a estreia adiada, por exemplo. No entanto, Vin Diesel recusou prorrogar o lançamento, em maio, de F9, 9º filme da franquia Velozes e Furiosos.

+++ LEIA MAIS: Keanu Reeves em Velozes e Furiosos 9? Roteirista responde 

Em entrevista ao USA Today, Vin Diesel comparou à estreia de F9 ao papel dele em Bloodshot -  nova produção do astro com lançamento previsto para 12 de março. "No final do dia, Bloodshot é um soldado, e não decide quando ou onde será implantado", disse.

Vin Diesel explicou o motivo de não prorrogar o lançamento de Velozes e Furiosos 9: "Precisamos de filmes agora mais do que nunca. Já estamos em momento no qual o cinema e a experiência cinematográfica estão tão ameaçados".

+++ LEIA MAIS: Por que Velozes e Furiosos 9 vai mudar toda a linha do tempo da franquia?

Apesar da recusa de Diesel, o filme pode sofrer impactos de bilheteria devido ao Coronavírus, pois o público se distancia de locais fechados com grande quantidade de pessoas. Na China, por exemplo, a franquia Velozes e Furiosos é muito popular, e o surto poderá afetar a arrecadação.

No entanto, em momento caótico de estresse e preocupação, o posicionamento do astro é admirável. Segundo o ScreenRant, os filmes sempre foram vistos como uma fuga do estresse diário, por isso é reconfortante observar pessoas cujo objetivo é manter o funcionamento da indústria cinematográfica.

+++LEIA MAIS: Velozes e Furiosos: Por que Vin Diesel não participou do spin-off Hobbs & Shaw?


+++ SESSION ROLLING STONE BRASIL: DELACRUZ - ANESTESIA