Vingadores: Ultimato bate recorde nas bilheterias mundiais e ultrapassa Avatar

O anúncio foi feito no último sábado, 20, na Comic-Con em San Diego

Redação Publicado em 21/07/2019, às 10h30

None
Don Cheadle, Robert Downey Jr., Bradley Cooper, Chris Evans, Scarlett Johansson, Jeremy Renner, Paul Rudd, e Karen Gillan em Vingadores: Ultimato (Foto: Reprodução)

Neste último sábado, 20, a Marvel Studios anunciou na Comic-Con em San Diego que o filme Vingadores: Ultimato superou Avatar como maior sucesso de bilheteria da história. 

Kevin Feige, presidente do estúdio, fez o pronunciamento, no entanto, ainda não informou o quanto o filme arrecadou. Segundo a Variety e o The Hollywood Reporter, os números da sexta-feira, 19, chegaram a US$ 2,789.2 bilhões.

+++ LEIA MAIS: Robert Downey Jr. vai ganhar quase 4 vezes mais graças à bilheteria de Vingadores: Ultimato

"Uma grande felicitação às esquipes dos estúdios Marvel e Disney, e obrigado a todos os fãs ao redor do mundo que elevaram Vingadores: Ultimato a esta altura histórica", disse Alan Horn, um dos chefes da Disney, em um comunicado.

+++ LEIA MAIS: Os melhores filmes de 2019 - até agora [LISTA]

Avatar, de 2009, dirigido por James Cameron, mantia o pódio de maior suceddo de bilheteria da história com US$ 2,788 bilhões, segundo os relatórios do Box Office Mojo.

Por um momento, especialistas não acreditavam que o filme poderia ultrapassar Avatar, visto que entre a segunda e terceira semana de bilheteria, o número de venda dos ingressos abaixou mais de 60%. Nas últimas semanas, o filme ganhou uma reestreia com algumas cenas inéditas para que fosse possível bater o recorde e ultrapassar Avatar

+++ LEIA MAIS: Spoilers: Como Vingadores: Ultimato transformou a vida de Peter Parker em Homem-Aranha: Longe de Casa

A saga Vingadores: Ultimatoda Marvel encerra um ciclo de 22 filmes do Universo Cinematográfico ao lado de atores como Robert Downey Jr., Scarlett Johansson, Chris Hemsworth, Brie Larson, Chris Evans, Chadwick Boseman, Chris Pratt e Zoe Saldañ

+++ SESSION ROLLING STONE: Francisco, El Hombre abre um diálogo sobre depressão com "Parafuso Solto :: Peso Morto"