Virada cultural vai ao interior

Dezenove cidades paulistas têm shows e outras atrações gratuitas neste fim de semana

Da redação Publicado em 16/05/2008, às 17h18 - Atualizado às 20h10

A Nação Zumbi faz show na madrugada de domingo em São José do Rio Preto
Caroline Bittencourt

Acontece neste fim de semana a segunda edição da Virada Cultural Paulista, um evento irmão da grande Virada Cultural de São Paulo. Ao todo, 19 cidades do interior paulista receberão shows, exibições cinematográficas e apresentações de teatros. Todas as atrações serão gratuitas.

Alguns artistas entrarão no ritmo de maratona que o evento propõe, e tocarão em mais de uma cidade durante as 24h de Virada. A cantora Pitty, por exemplo, toca em Araçatuba à 0h15 de sábado para domingo e em Presidente Prudente às 17h de domingo.

O Funk Como Le Gusta tem uma tarefa ainda mais difícil: tocam em Campinas à 1h de sábado para domingo e percorrem 260 km até Bauru para um show duas horas depois, às 3h. Luiz Melodia, assim como Pitty, vai conseguir descansar. Faz show em Assis à 0h15 da madrugada do dia 18, e em Presidente Prudente durante a tarde, às 16h

Bauru ainda recebe os gaúchos do Cachorro Grande às 22h30 e Mariana Aydar à 1h. O Ultraje a Rigor vai invadir Ribeirão Preto às 22h30 de sábado, para depois tocar em Marília às 17h de domingo. Já são José do Rio Preto recebe a Nação Zumbi, à 0h15 de de sábado para domingo.

Mais perto da capital paulista, o Forgotten Boys faz show em São Bernardo do Campo às 22h30 de sábado.

A lista completa com a programação de cada cidade pode ser conferida nos websites de suas prefeituras. Participam da Virada as seguintes cidades: Araçatuba, Araraquara, Assis, Bauru, Campinas, Caraguatatuba, Franca, Indaiatuba, Franca, Mogi das Cruzes, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Bernardo do Campo, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São João da Boa Vista e Sorocaba.