Viúva de Chris Cornell acusa Soundgarden de colocar a mãe dela em risco do coronavírus em processo judicial

No entanto, a banda afirma ter dado opções seguras para continuar a causa

Redação Publicado em 25/03/2020, às 08h10

None
Chris Cornell e Vicky (Foto: Chris Pizzello/Invision/AP)

Em dezembro de 2019, Vicky, viúva de Chris Cornell, abriu um processo contra Soundgarden, banda na qual o ex-marido dela foi vocalista até morrer em 2017. Atualmente, a causa segue em andamento, porém com problemas, pois de acordo com o TMZ, Vicky acusa Soundgarden de colocar a mãe dela em risco do coronavírus.

Ainda de acordo com o site, Vicky afirma que Soundgarden está "insistindo insensivelmente no testemunho imediato" da mãe dela, que é "uma idosa em risco". Além disso, a viúva de Chris Cornell também acusa o grupo de tirar proveito da pandemia do coronavírus para não cumprir nenhum prazo do caso. "[Soundgarden] alavancou a epidemia Covid-19 para fins vexatórios", constatou Vicky.

+++LEIA MAIS: Bateria isolada de John Bonham no clássico do Led Zeppelin ‘Whole Lotta Love’ é simplesmente sensacional; ouça

No entanto, o TMZ entrou em contato com um dos advogados da banda, que afirmou ter deixado para Vicky e equipe a disposição deles do testemundo ser feito na casa da mãe da viúva de Chris Cornell, no escritório do advogado dela, ou em uma chamada por vídeo. 

Vicky Cornell abriu processo contra Soundgarden pois, segundo ela e os advogados dela, a banda usou faixas de áudio de autoria do vocalista, que pertencem à viúva e filhos menores de Chris, sem pedir autorização.


+++ CORONAVÍRUS: DEVEMOS REALMENTE CANCELAR SHOWS E EVENTOS?