VMA 2018: Madonna é chamada para homenagear Aretha Franklin, mas faz discurso sobre a própria trajetória

Ela relembrou a Rainha do Soul, que morreu recentemente, com uma longa e estranha fala antes de anunciar o vencedor da categoria Clipe do Ano

Rolling Stone EUA Publicado em 21/08/2018, às 10h43 - Atualizado em 24/08/2018, às 16h42

Madonna no VMA 2018
Chris Pizzello/Invision/AP

ATUALIZAÇÃO

Madonna publicou no Instagram, na última terça, 21, uma foto ao lado de Camila Cabello, acompanhada de uma legenda em que parabenizava a cantora por vencer nas categorias de Artista do Ano e Clipe do Ano, além de aproveitar a deixa para esclarecer seu polêmico discurso.

De acordo com a publicação, ela havia sido chamada para "apresentar o vencedor da categoria Clipe do Ano", e de última hora pediram para que ela compartilhasse "alguma história relacionada à Aretha Franklin que eu tivesse. Contei parte da minha trajetória e a agradeci por ter me inspirado ao longo do caminho. Não era para ser um tributo! Seria impossível fazer isso em dois minutos."

Veja o post abaixo.

Im with the Winner!! The beautiful @camila_cabello ! So proud of her! ????????????. And just to clarify: I was asked to present video of the year by MTV! And then they asked me to share any anecdotes I had in my career connected to Aretha Franklin! I shared a part of my journey and thanked Aretha for inspiring me along the way. I did not intend to do a tribute to her! That would be impossible in 2 minutes with all the noise and tinsel of an award show. I could never do her justice in this context or environment. Unfortunately most people have short attention spans, and are so quick to judge. I love Aretha! R.E.S.P.E.C.T. ????????. I Love Camilla! Congrats! I LOVE my dress! AND. I love-L O V E!! ?? and there is nothing anyone can say or do that will change that. #vmas #postivevibes

A post shared by Madonna (@madonna) on

FIM DA ATUALIZAÇÃO

Na noite da última segunda, 20, aconteceu a edição de 2018 do MTV VMA. Madonna, que recentemente completou 60 anos, subiu ao palco para anunciar o vencedor da categoria Clipe do Ano, e também fazer um tributo um tanto quanto estranho a Aretha Franklin, que morreu no último dia 16, devido a um câncer no pâncreas.

Após um breve vídeo de Aretha cantando “I Say a Little Prayer”, Madonna iniciou seu discurso com as palavras "Aretha Louise Franklin mudou o rumo da minha vida". O que veio a seguir foi uma longa, confusa e muito criticada fala sobre a própria trajetória como cantora, que pouco tinha a ver com a Rainha do Soul (que deveria estar sendo homenageada), a não ser pelo momento em que relembrou uma audição na qual apresentou “(You Make Me Feel Like) A Natural Woman”.

Essa apresentação em questão a levou para Paris, depois de volta para os Estados Unidos até que, finalmente, Madonna voltou para Aretha. Ela disse então: "Vocês devem estar se perguntando por que contei toda essa história", e não estava errada. "Meu sucesso nunca teria acontecido se não fosse por ela. Foi ela quem me fez chegar onde estou. E sei que ela influenciou muitas pessoas que estão aqui hoje. Obrigada, Aretha, por empoderar todas nós. Vida longa à Rainha."

Em seguida, ela chamou Camila Cabello para receber o prêmio de Melhor Clipe, por "Havana".

Assista a uma parte do discurso abaixo.