Vocalista do Creed ameaçou assassinar Barack Obama, diz esposa do músico

Mulher de Scott Stapp fez denúncia ao serviço de emergência 911

Redação Publicado em 12/12/2014, às 12h59 - Atualizado às 13h52

Scott Stapp, vocalista do Creed
Divulgação

Scott Stapp, o vocalista do Creed, teria ameaçado matar Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, de acordo com a esposa dele, Jaclyn Stapp. Segundo o site TMZ, que divulgou o áudio de um telefonema de Jaclyn ao 911, serviço de emergência norte-americano, o músico teria saído de casa sem camisa, em uma bicicleta, dizendo ser um agente da CIA cuja missão era matar o presidente.

Veja nossa seleção das mais polêmicas, absurdas e ultrajantes autobiografias do rock.

Stapp teria deixado no final do mês passado, sem autorização, uma instituição psiquiátrica em que foi internado após ser detido em estado paranoico, consequente do uso de drogas. Em outro vídeo, o músico disse que a receita norte-americana está tentando acabar com a vida dele por conta dos ataques dele ao presidente Obama.

Jaclyn, que passou em torno de 40 minutos no telefone com o serviço de emergência, já entrou com um pedido de divórcio de Stapp. Ela ainda informou que, antes de sair de casa, o vocalista imprimiu centenas de páginas de supostos documentos secretos encontrados na internet.