Weezer faz show em SP com hits do passado e covers de Toto e Aha

Banda de Rivers Cuomo tocou Beverly Hills e Hash Pipe e os covers Africa e Take on Me

Felipe Branco Cruz Publicado em 27/09/2019, às 13h42

None
Rivers Cuomo, do Weezer, esbanjou simpatia em São Paulo (foto: Ricardo Matsukawa/Divulgação)

Demorou, mas os californianos do Weezer saldaram na noite desta quinta, 26, no Ginásio do Ibirapuera, a dívida que tinham com os fãs paulistanos. A banda de Rivers Cuomo, que já acumula 27 anos de estrada, finalmente fez sua primeira apresentação na cidade.

Ao todo, foram 20 músicas mesclando clássicos da carreira, como "Buddy Holly", "Island in The Sun", "Hash Pipe" e "Beverly Hills", com covers de hits do passado (que estão no novo álbum lançado neste ano), como "Take on Me", do Aha, "Happy Together", do Turtles, "Paranoid", do Black Sabbath e "Lithium", do Nirvana.

+++ Leia Mais: Com Scorpions, Whitesnake e Europe, Rockfest mostra a força das baladas românticas com cheiro de naftalina

Agora, o quarteto segue para o Rio de Janeiro, onde se apresentará neste sábado, 28, no Rock in Rio, no mesmo dia em que o Foo Fighters.

No festival carioca, o Weezer terá o desafio de se apresentar para um público muito maior do que o assistiu em São Paulo. O Ginásio do Ibirapuera, que tem capacidade para 10 mil pessoas, estava com menos metade de sua lotação. 

Weezer se apresenta no Ginásio do Ibirapuera (foto:Ricardo Matsukawa/Divulgação)
Weezer não lotou o Ginásio do Ibirapuera (Foto: Ricardo Matsukawa/Divulgação)


Pregando para convertidos

O espaço vazio do Ginásio do Ibirapuera, no entanto, não esfriou o show nem diminuiu a simpatia (e a timidez) de Rivers Cuomo com o público. O vocalista falou em português, fez coraçãozinho com as mãos e até ganhou uma camisa da seleção brasileira com “Rivers” escrito atrás. “Somos um time perfeito”, disse o vocalista.

Weezer tocou clássicos e covers (Foto: Ricardo Matsukawa/Divulgação)


O público, a maioria acima dos 30 anos, respondeu cantando todas as músicas. Mas, no Rock in Rio, Rivers deverá sentir a diferença. Ao contrário de São Paulo, a banda se apresentará na capital fluminense para uma plateia bem maior e não necessariamente fã de suas músicas e que talvez não demonstre o mesmo fervor que demonstrou ontem.

Foi um show curto, com menos de 90 minutos de duração. Pouco para quem curte a banda mas o suficiente para aplacar um sentimento agridoce que os paulistanos sentiam desde 2005, quando o Weezer fez a sua a única passagem pelo Brasil até então, com apresentação no Curitiba Rock Fest.

Setlist do Weezer em São Paulo:

  1. "Buddy Holly"
  2. "Undone - The Sweater Song"
  3. "Hash Pipe"
  4. "My Name Is Jonas"
  5. "Happy Together" (cover do Turtles com "Longview", Green Day)
  6. "Holiday"
  7. "Island in the Sun"
  8. "Perfect Situation"
  9. "Take On Me" (cover do a-ha)
  10. 'The End of the Game"
  11. "Surf Wax America"
  12. "Africa" (cover do Toto)
  13. "The Good Life"
  14. "El Scorcho"
  15. "Paranoid" (cover do Black Sabbath)
  16. "Pork and Beans"
  17. "Beverly Hills"
  18. "Lithium" (cover do Nirvana)
    BIS
  19. "Buddy Holly" (apenas com a voz dos quatro integrantes)
  20. "Say It Ain't So"