Will Smith chora e abraça uma criança em todo o filme que já fez? Entenda a teoria

A teoria bizarra analisada pelo AdoroCinema realmente faz sentido

Redação Publicado em 03/06/2020, às 17h30

None
Will Smith em Projeto Gemini (Foto: Reprodução)

Will Smith tem uma carreira impressionante, soma produções incríveis, atuações impecáveis, prêmios e um carinho enorme dos fãs. O AdoroCinema apresentou uma teoria muito curiosa sobre o astro - ele chora e abraça uma criança em todo filme que faz.

+++LEIA MAIS: Will Smith e Tyra Banks recriam uma das cenas mais icônicas de Um Maluco no Pedaço; assista

A teoria pode soar um tanto quanto bizarra, mas faz bastante sentido e o site fez uma pesquisa bem-sucedida a partir dos filmes para comprová-la após uma discussão na redação, como contam no texto da publicação. 

Essa teoria certamente fará os espectadores repensarem em todos os longas cujo assistiram do astro - e depois, relembrar as cenas e os personagens de Will Smith. O AdoroCinema facilitou para quem quiser assistir e listou inclusive a minutagem em que o momento do choro e do abraço acontece. 

+++LEIA MAIS: Depois de sósia de Keanu Reeves, ‘cópia’ brasileira de Will Smith chama a atenção: ‘The Fresh Prince of Tijolo’

De fato, À Procura da Felicidade(2006) é um filme sensível e emocionante, muito famoso e conhecido principalmente por ser baseado em uma história real. A produção cinematográfica apresenta o astro chorando e abraçando o filho dele na minutagem 01:27:26, como aponta o AdoroCinema

Em Depois da Terra (2013), a partir do minuto 01:30:55, mais uma vez tem-se o ator com uma criança em uma cena no qual ele a abraça e chora. Nos 20 segundos inciais de Beleza Oculta (2016), o icônico momento acontece. 

+++LEIA MAIS: Will Smith em Matrix? Ator substitui Keanu Reeves em vídeo; assista

Curiosamente, mesmo em filmes nos quais o papel do astro é ser mais insensível, ele chora. Em Esquadrão Suicida (2017), o ator repete o comportamento no minuto 01:49:50. Em Eu Sou a Lenda (2007) a partir de 00:48:21.

A ordem dos eventos também pode variar, como relembra o AdoroCinema. Em Hancock(2008), o choro vem após interagir com a criança, no minuto 00:35:21. Enquanto em Bright(2017), o personagem do ator se pega pensando na ideia do abraço durante o filme, mas o que ele faz é chorar ao olhar para a filha (minuto: 01:50:48). 

+++LEIA MAIS: Um Maluco no Pedaço versão isolamento social: Will Smith reúne elenco da série em programa do Snapchat

Por fim, em Projeto Gemini (2019), Will Smith chora enquanto abraça uma versão jovem de si mesmo. Certamente, como pontua o AdoroCinema, não passa de uma coincidência, mas a teoria é realmente hilária. 


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE