Will.i.am é contra novo álbum de Michael Jackson

Líder do Black Eyed Peas acha o lançamento, previsto para novembro, “desrespeitoso”

Da redação Publicado em 05/08/2010, às 12h16

Will.i.am é totalmente contra o lançamento do disco de inéditas de Michael Jackson, previsto para novembro

Ver Galeria
(2 imagens)

Will.i.am, líder do Black Eyed Peas, afirmou ser contra o lançamento do disco de inéditas de Michael Jackson, previsto para novembro. Em entrevista à agência de notícias Associated Press, o cantor afirmou achar "desrespeitoso" divulgar músicas que não tenham sido finalizadas pelo Rei do Pop, morto em 25 de junho de 2009.

"Ele era perfeccionista e não gostaria que fosse desse jeito. Como você vai lançar músicas de Michael Jackson se Michael Jackson não está aqui para abençoá-las?", declarou o músico. Will.i.am trabalhou com Michael à época do lançamento da edição de aniversário de 25 anos do disco Thriller, em 2008.

"Porque ele era meu amigo, acho isso um desrespeito", disse o cantor, que ainda questionou a necessidade da busca sem fim por mais material de Michael para o mercado fonográfico: "O que há de errado com o que ele já contribuiu para o mundo?". E não parou aí: "Você não deve desrespeitar alguém que já se foi. (...) Parasitas!".

A notícia do lançamento do novo disco de Michael Jackson foi divulgada no último dia 30 de julho, pela Rolling Stone EUA. A maioria das faixas do disco, ainda sem título, foi gravada nos anos 80. O lançamento faz de parte de um acordo de US$ 200 milhões dos representantes do espólio do cantor com a Sony Music que, nos próximos sete anos, deve lançar dez discos de Michael no total.

Mais Michael

O álbum previsto para novembro não é o único a caminho. Recentemente, o produtor Rodney Jerkins, que trabalhou com Michael no álbum Invicible, de 2001, afirmou que também quer lançar uma coletânea de faixas inéditas do cantor. Saiba mais.