Xuxa defende comunidade LGBTQI+ após post da cantora gospel Ana Paula Valadão: 'Quem não se posiciona é conivente com o erro'

"Não podemos e não devemos tolerar mais preconceito", também comentou a apresentadora

Redação Publicado em 14/09/2020, às 15h39

None
Xuxa (Foto: Fernanda Calfat/Getty Images)

Depois de o vídeo da cantora gospel Ana Paula Valadão fazendo comentários considerados homofóbicos no Congresso Diante do Trono de 2016 viralizar no Twitter, Xuxa defendeu a comunidade LGBTQI+ nas redes sociais. As informações são do Universa UOL.

Nas declarações, a também pastora falou como ser homossexual "não é normal" e que "a aids está aí para mostrar que a união sexual entre dois homens causa uma enfermidade que leva à morte", via UOL.

+++ LEIA MAIS: As 9 melhores séries com representação LGBTQIA+ da última década

Em resposta ao discurso de Valadão, Xuxa publicou neste domingo, 13, na própria conta do Instagram a mensagem: "Isso não pode ser uma briga ou uma decepção só para quem é LGBT. Não podemos e não devemos tolerar mais preconceito, discriminação e desamor em nome de Deus. Quem concorda com essa senhora, saiba que é crime". Veja: 

 

Nesta segunda, 14, a apresentadora voltou as redes para dizer como "quem não se posiciona com o que está errado no mundo é conivente com o erro". Na nova postagem, Xuxa compartilhou um vídeo dos influenciadores Murilo Ribeiro e PedroMauron, no qual eles elogiaram o posicionamento dela. Veja:

+++LEIA MAIS: Visibilidade Lésbica: 6 títulos com narrativas sobre mulheres lésbicas [LISTA]

 

Na legenda, Xuxa também escreveu: "Temos, sim, que ser contra o preconceito e a discriminação, só assim meus netos poderão viver em um mundo um pouco melhor!"


+++ BK' lança novo disco e fala sobre conexão com o movimento Vidas Negras Importam: 'A gente sabia que ia explodir'