Yoko Ono celebra 75 anos de John Lennon com símbolo da paz gigante, mas não quebra recorde do Guinness Book

Mais de duas mil pessoas se reuniram no Central Park para homenagear o beatle, que faria aniversário em 9 de outubro

Redação Publicado em 07/10/2015, às 11h34 - Atualizado às 15h20

Há 46 anos, um dos casais mais famosos, controversos, artisticamente produtivos e apaixonados da história contraia matrimônio. Relembre dez grandes momentos do inglês John Lennon e da japonesa Yoko Ono.

Ver Galeria
(10 imagens)

Yoko Ono resgatou a memória de John Lennon nessa terça-feira, 6, ao reunir um grande contingente de pessoas e formar um gigantesco símbolo da paz no Central Park, em Nova York. O beatle, assassinado nas cercanias deste mesmo parque, em 8 de dezembro de 1980, completaria 75 anos na próxima sexta-feira, 9.

Relembre a vida e a obra de John Lennon em fotos.

O objetivo de Yoko, artista plástica e célebre companheira de Lennon, também era quebrar o recorde do Guinness Book com o maior símbolo humano da paz já feito, o que acabou não sendo concretizado.

Paul McCartney na bateria, George Harrison no baixo: as 10 melhores trocas de instrumentos dos Beatles.

Eram necessários mais de cinco mil pessoas para atingir a marca e eram esperados de seis indivíduos no local. Porém, segundo um representante do Guinness Book, apenas duas mil pessoas estiveram presentes.

Veja:

A iniciativa envolveu ainda o Imagine Peace, entidade que aceita doações passadas diretamente ao John Lennon Educational Tour Bus. Esta organização, por sua vez, promove um projeto sem fins lucrativos com equipamentos de gravação de áudio e vídeo em alta qualidade, promovendo experiências para estudantes.