Yoko Ono pinta e dança – literalmente – no clipe da nova música “Bad Dancer” ; assista

Faixa estará presente no mais novo disco da Plastic Ono Band chamado Take Me to the Land of Hell

DAVID BROWNE Publicado em 05/11/2013, às 12h58 - Atualizado às 13h36

Yoko Ono - Bad Dancer
Reprodução / Vídeo

“Você vai observar todos os meus passos!”, diz Yoko Ono ao repórter que visita ao set de filmagem do clipe de “Bad Dancer”. E não foram apena só os momentos dela: para o primeiro single do novo disco do Plastic Ono Band, o Take Me to the Land of Hell, Yoko e o diretor Ben Dickinson decidiram seguir o que o título da música sugere. Com apenas alguns dias de planejamento, ela reuniu uma variedade enorme de artistas e amigos de Nova York, pedindo para que passassem em um estúdio no Brooklyn e mostrasse melhores e mais nerdísticos passos de dança. “‘Bad Dancer’ é uma comédia, na verdade”, disse Yoko à Rolling Stone EUA. “Eu queria que isso fosse divertido, não muito sério.”

Especial John Lennon: O guia definitivo para a vida e a música da lenda.

As filmagens começaram no fim de setembro, com Yoko sendo filmada sozinha, pintando quadros e, então, mostrando seus próprios passos de dança. “Eles iriam chamar alguém para pintar o set, mas eu disse: ‘a Yoko pode pintá-lo’”, diz David Newgarden, empresário dela, entre risos.

“A gente meio que construiu este vídeo em cima da espontaneidade de Yoko durante o começo da pintura, que é por si só uma espécie de dança”, disse Dickinson. “O trabalho dela sempre encoraja o diálogo com o público, encoraja a participação de quem está assistindo ou até desafia os limites entre público e artista. Então, nós tivemos uma experiência imersiva, extasiante e subjetiva – uma conversa ao invés de uma explicação – que é, na realidade, o coração deste vídeo também. A simplicidade dela apenas dançando com as pessoas.”

Yoko Ono já foi presa por porte de drogas. Veja lista com outros artistas que também tiveram problemas com a polícia.

Então, no fim de um dia inteiro, vários amigos passaram por lá: Ad-Rock e Mike D do Beastie Boys (eles também remixaram a faixa), Questlove, Yuka Honda WE Miho Hatori (ambas do Cibo Matto), os artistas Justin Vivian Bond, Deerhoof's Greg Saunier, Das Racist alum Heems, This American Life host Ira Glass e a cantora de R& Roberta Flack (vizinha de Yoko). Cada um deles se aqueceu por um tempo e, depois, passou de 10 a 15 minutos em frente às câmeras.

O resultado, que parece ser simples, é um vídeo charmoso repleto de participações especiais e passos ainda mais incríveis – alguns são ruins, mas intencionalmente, outros são brincadeiras divertidas. “Eles são pessoas criativas e possuem passos únicos”, diz Yoko. “Eles não se movimentam como as outras pessoas.”