Yoko Ono posta foto de óculos ensanguentados de John Lennon para pedir maior controle sobre armas

A viúva relembrou também o aniversário de 44 anos de seu casamento com o falecido marido

Jon Blistein Publicado em 21/03/2013, às 16h29 - Atualizado às 17h12

Óculos John Lennon
Reprodução/Twitter

Para demonstrar seu apoio ao controle de armas, Yoko Ono postou no Twitter na última quarta, 20, uma foto dos óculos ensanguentados que seu falecido marido John Lennon estava usando no dia que foi assassinado. Junto à foto estava a mensagem: “Mais de 1.057.000 de pessoas foram mortas por armas nos Estados Unidos desde que John Lennon tomou um tiro e morreu em 8 de dezembro de 1980".

Três dias antes de morrer, John Lennon falou por nove horas com a Rolling Stone. Trinta anos depois, essa conversa inédita é revelada, e você confere a íntegra em nossa edição de janeiro.

Uma ativista de muitas causas – mais recentemente protestando contra a exploração de gás natural em Nova York - Ono voltou sua atenção para a violência armada com uma série de tuítes que incluíram a imagem, que ela também usou na capa de seu disco de 1981 Season of Glass.

Outro post dizia: "31.537 pessoas são mortas por armas nos Estados Unidos todos os anos. Estamos transformando esse lindo país em uma zona de guerra". E, mais pessoalmente, “a morte de uma pessoa amada é uma experiência devastadora. Depois de 33 anos, eu e nosso filho Sean ainda sentimos falta dele”.

A quarta, 20, também marcou o aniversário de 44 anos do casamento de Ono e Lennon. Em homenagem, Ono também tuitou “decidimos que se fosse para fazermos algo como nos casar, dedicaríamos isso à paz" e postou um link para seu site ImaginePeace. Lá, ela deixou algumas fotos da cerimônia de casamento e a famosa entrevista que o casal deu em 1971 pra a Rolling Stone EUA na qual o casal fala sobre protestar em prol da paz.

"Acreditamos que a paz só pode ser obtida por meio de métodos pacíficos e que lutar contra o sistema com as armas deles não é bom, porque eles sempre vencem e eles estão ganhando há milênios", diz Lennon. "Eles sabem jogar o jogo ‘da violência’ e é mais fácil para eles quando eles conseguem te reconhecer e acabar com você. Mas eles não sabem lidar com humor, e humor pacífico. Essa é a nossa mensagem.”