Yoko Ono rebate acusações sobre o fim dos Beatles: "para mim também foi muito ruim"

Em entrevista, a criativa artista refletiu sobre a separação do icônico quarteto e como isso refletiu na própria carreira

Redação Publicado em 18/12/2019, às 13h41

None
John Lennon e Yoko Ono (Foto: AP)

O que mais se fala além de todo o legado que os Beatles deixaram na indústria musical são os motivos pelo quais os separaram. Todo fã do icônico quarteto já deve ter esbarrado, por exemplo, com a história de que Yoko Ono, ex-esposa de John Lennon, foi um dos estopins para o grupo chegar ao fim. 

Três anos atrás, a criativa artista falou sobre essas acusações e observou como a desintegração da banda impactou na própria carreira. 

"De certa forma, o fato de eu estar lá pode ter afetado a situação. Mas eu não sei, para mim também foi muito ruim", disse ela em entrevista.

+++ LEIA MAIS: Como Elton John ajudou John Lennon e Yoko Ono a se reconciliarem?

Ao explicar o efeito colateral que a separação dos Beatlescausou, a artista pontuou: "Ruim da maneira que de repente as pessoas começaram a me olhar como a Sra. Lennon, e não como qualquer outra coisa. De repente eu me tornei uma dona de casa!"

Em 2012, Ono afirmou em entrevista ao The Telegraph que o relaciomento que teve com Lennon "arruinou" a carreira dela.

"De certa forma, John e eu arruinamos nossas carreiras nos reunindo, embora não estivéssemos cientes disso na época".

O casal se conheceu em 1966 e viveram um romance intenso. Em 1969 se casaram, um ano antes da separação dos Beatles. Como músicos, lançaram cinco discos juntos.


+++ FRANCISCO EL HOMBRE SOBRE RASGACABEZA: 'É UM DISCO INDIGESTO, TOCA EM PONTOS DOLORIDOS E ÍNTIMOS'