Yusuf Islam quer "fazer as pazes" com Coldplay

Ex-Cat Stevens declarou que não está "bravo" com a banda inglesa, mas mantém opinião sobre plágio

Da redação Publicado em 17/06/2009, às 21h13

Yusuf Islam, anteriormente conhecido como Cat Stevens, quer fazer as pazes com os ingleses do Coldplay após acusá-los de plágio pela música "Viva La Vida" em maio deste ano. O cantor e compositor afirmou que, apesar de ainda acreditar que houve uma cópia do hit "Foreigner Suite", de 1973, não está "bravo" com a banda.

"Não quero que pensem que estou bravo com eles. Adoraria sentar e tomar uma xícara de chá com eles e convencê-los de que está tudo bem", disse o músico ao jornal britânico Daily Express.

Diferente do guitarrista Joe Satriani, que também acusa o grupo liderado por Chris Martin de plágio pela mesma música, Islam não chegou a mover nenhuma ação judicial a respeito do caso. Mas confirma que houve, de fato, uma cópia.

"Mantenho o que eu disse. Eles copiaram mesmo minha música, mas acho que não fizeram de propósito. Eu mesmo me copiei sem saber que havia feito isso", explicou Islam. "Escrevo o que penso ser uma boa melodia e percebo que é o mesmo que já fiz antes".

A jornada na justiça contra o Colplay ainda não terminou. Satriani mantém a acusação de plágio, também sobre "Viva La Vida", alegando que o quarteto roubou a melodia da faixa "If I Could Fly", de 2004.