Pulse

Zegon, Carlos Eduardo Miranda e Dudu Marote comandam novos selos musicais

Projeto da Skol Music pretende revelar, no mínimo, nove artistas ainda em 2014

Redação Publicado em 13/08/2014, às 18h50 - Atualizado em 14/08/2014, às 12h14

http://www.innermultiart.com/
Reprodução/Site oficial

Três nomes de peso da produção artística nacional foram escalados para comandar os novos selos musicais brasileiros Buuum, Tralalá e Ganzá. São eles Zegon (foto), Carlos Eduardo Miranda e Dudu Marote que, respectivamente, terão a missão de revelar de três a cinco artistas cada, abrangendo estilos como bass music, indie rock e música eletrônica.

Veja 15 discos nacionais lançados no primeiro semestre que você precisa ouvir.

O projeto é uma iniciativa da Skol Music, que pretende “movimentar o mercado autoral brasileiro” investindo em novos músicos e servindo como um filtro com função de curadoria da imensa produção presente na internet. De acordo com um comunicado, os produtores devem revelar os artistas apadrinhados por eles já no mês de setembro.

Saiba mais sobre o novo disco do Skank, produzido por Dudu Marote.

O selo Buuum, capitaneado por Zegon – que já produziu artistas como Sabotage, Racionais MC's, Marcelo D2, MV Bill e SNJ, entre outros –, tem foco nas batidas e na bass music. Já Dudu Marote, que traz no currículo trabalhos com os mineiros Skank, Jota Quest e Pato Fu, fica responsável pela música eletrônica, cuidando do selo Ganzá.

Edição 82: DJ Zegon se junta ao “herdeiro” André Laudz em projeto que aposta no peso do hip-hop dos anos 90.

O indie rock fica a cargo do experiente Carlos Eduardo Miranda que, além de ex-jurado do programa de TV Ídolos e jornalista musical, comandou o selo Banguela Records junto ao Titãs, nos anos 1990. Miranda foi produtor do disco de estreia do Raimundos, além de ter trabalhado com Otto, Cansei de Ser Sexy e O Rappa. Ele assina a curadoria do selo Tralalá.