Apoiadores de Bolsonaro tentam invadir Ministério da Saúde; assista ao vídeo

Após atos pró-governo e ameaças de Jair Bolsonaro, apoiadores tentaram invadir Ministério da Saúde nesta quarta, 8

Redação Publicado em 08/09/2021, às 13h06 - Atualizado às 13h09

None
Grupo de apoiadores de Jair Bolsonaro tenta invadir Ministério da Saúde nesta quarta, 8 (Foto: Reprodução)

Um grupo de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tentou invadir a sede do Ministério da Saúde, em Brasília, nesta quarta, 8. A ação aconteceu um dia após atos pró-governo e ameaças de golpe do presidente contra o STF (Supremo Tribunal Federal).

Segundo a Folha de S. Paulo, imagens do momento em que o grupo tenta invadir o Ministério foram divulgadas pelo site Metrópoles. No vídeo, os apoiadores avançam sobre portas e vidros do local. Na tentativa de evitar a invasão, a entrada do Ministério foi fechada com grades.

+++LEIA MAIS: Bolsonaro volta a fazer ameaças golpistas ao STF e diz que 'só sai morto' da Presidência

Um dos profissionais do Ministério testemunhou a tentativa de invasão, e afirmou que o grupo tentou agredir as equipes de imprensa que estavam posicionadas em frente ao prédio da pasta. O Ministério da Saúde não se manifestou sobre o ocorrido.


Manifestações de 7 de setembro

Em 7 de setembro, dia da Independência, Jair Bolsonaro convocou atos por todo o país pró-governo federal. O presidente marcou presença nas manifestações realizadas em Brasília e São Paulo, e deu diversas ameaças de golpes contra o Supremo Tribunal Federal (STF).

+++LEIA MAIS: Presidente do Senado cancela sessões após ameaças golpistas de Bolsonaro

Em frente ao Congresso, em Brasília, Bolsonaro ameaçou o presidente do Supremo, Luiz Fux: "Ou o chefe desse Poder [Fux] enquadra o seu [ministro] ou esse Poder pode sofrer aquilo que nós não queremos". Em seguida, afirmou: "Nós todos aqui na Praça dos Três Poderes juramos respeitar a nossa Constituição. Quem age fora dela se enquadra ou pede para sair."

Segundo a Folha de S. Paulo, o ato pró-Jair Bolsonaro realizado em Brasília se dispersou após as falas do presidente, mas diversos apoiadores seguiram acampados na Esplanada dos Ministérios.

+++LEIA MAIS: Mourão comenta impeachment após manifestações pró-Bolsonaro: 'Não há clima'

Além disso, caminhões e carros de manifestantes romperam o bloqueio da polícia na segunda, 6, e invadiram a Esplanada dos Ministérios — onde muitos seguem até esta quarta, 8 de setembro.


+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!