Bolsonaro critica comunismo em Cuba após protestos: ‘Tem gente no Brasil que apoia’

Em conversa com apoiadores nesta segunda, 12, Bolsonaro falou sobre protestos realizados em Cuba e criticou comunismo

Redação Publicado em 12/07/2021, às 12h04

None
Jair Bolsonaro (Foto: Andressa Anholete / Getty Images)

Jair Bolsonaro (sem partido) criticou o governo de Cuba nesta segunda, 12, um dia após o país ser palco de diversos protestos pedindo a renúncia do presidente Miguel Díaz-Canel. Segundo o UOL, a declaração de Bolsonaro ocorreu durante conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada.

O presidente comentou sobre os protestos realizados em Cuba: “[Os manifestantes] foram pedir liberdade. Sabe o que tiveram ontem? Borrachada, pancada e prisão. E tem gente aqui no Brasil que apoia Cuba, Venezuela. Gente que foi várias vezes para Cuba tomar champanhe com [Fidel] Castro, foi para a Venezuela tomar uísque com o [Nicolás] Maduro. E tem gente aqui que apoia esse tipo de gente, é sinal de que querem viver como os venezuelanos, como os cubanos,” afirmou. 

+++LEIA MAIS: 70% dos brasileiros acreditam haver corrupção no governo Bolsonaro, aponta Datafolha

Nas redes sociais, diversos perfis compartilharam vídeos dos protestos realizados em Cuba — os maiores desde 1990, segundo o El País. Manifestações foram impulsionadas pela grave crise sanitária, econômica e de abastecimento — agravada  pela pandemia de Covid-19.

Bolsonaro continuou a declaração: “É o comunismo. O cara prega igualdade, mas todos são iguais na pobreza. Alguém sabe quanto é salário mínimo em Cuba? US$ 20, R$ 100. Na Venezuela está, atualmente, em US$ 5. Você tem que pegar uma sacola de dinheiro para comprar pão, se achar pão.”

+++LEIA MAIS: ‘Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições’, ameaça Bolsonaro

Conforme noticiado pelo UOL, o Diário Oficial noticiou que o salário mínimo em Cuba passou de 400 para 2.100 pesos cubanos (de US$ 17 para US$ 87), devido a uma reforma salarial e monetária que entrou em vigor em 1º de janeiro deste ano. Um anúncio do aumento de 300% no salário mínimo foi anunciado em maio de 2021 — mas devido à hiperinflação, o valor ainda é insuficiente para compras básicas.

Em seguida, Bolsonaro falou sobre a situação brasileira: "Temos problemas no Brasil, quem não tem problema em casa? Imagina um município, um estado, o Brasil. Inteligente é quem aprende com erros dos outros; idiota aprende com próprios erros; imbecis não aprendem nunca".

+++LEIA MAIS: Bolsonaro volta a questionar vacinas contra Covid e diz que elas são ‘experimentais’

A declaração completa de Bolsonaro pode ser conferida no vídeo abaixo, publicado pelo canal bolsonarista de YouTube Foco do Brasil. 


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL