Pulse

Consagração da Pink e o funk chega com Anitta, Ludmilla e Fernanda Abreu: o que esperar do 6º dia de Rock in Rio

Neste sábado, 5, a programação do festival tem foco em artistas do universo pop e do funk

Redação Publicado em 05/10/2019, às 07h09

None
Anitta (Foto: zz/ KGC-138 / STAR MAX / IPx 2019)

Depois de um dia inteiro dedicado ao gênero mais aguardado pelo público com grandes ícones como Iron Maiden, Scorpions, Helloween e Sepultura, o heavy metal deixa de ser a grande estrela do festival neste sábado, 5, para o funk e o pop tomarem a Cidade do Rock. 

Às 0h10, a consagração de uma das grandes divas do pop nos anos 2000, Pink. No início da noite, às 18h, a materialização da barulhenta ascensão de Anitta

Como farol dos dois gêneros, funk e pop, - funkpop pela brasileira -, ambas as artistas são muito esperadas no Palco Mundo do Rock in Rio, além do grupo icônico grupo de hip-hop, Black Eyed Peas

Afim de promover o Hurts 2B Human, oitavo disco da carreira, a cantora norte-americana, Pink, celebra as três estatuetas do Grammy, em que ganhou, ao lado do estrelato na Calçada da Fama, como ‘Melhor Álbum de Pop Vocal’.

Conhecida internacionalmente, mesmo fora do auge das canções radiofônicas, a artista pop solidifica as resenhas positivas dos antigos projetos lançados ao longo da carreira.

Pela primeira vez no festival, Pink encerra a o sexto dia de apresentações. Seguindo o levantamento dos shows anteriores, os sucessos "Hustle", "Just Give Me a Reason", "Raise Your Glass" e "So What" devem estar presentes. Veja o possível setlist abaixo: 

1 - Get the Party Started
2 - Beautiful Trauma
3 - Just Like a Pill
4 - Who Knew
5 - Revenge Land
6 - Revenge
7 - Funhouse / Just a Girl
8 - Hustle
9 - Secrets Film
10 - Secrets
11 - Nature
12 - Try
13 - Just Give Me a Reason
14 - Just Like Fire
15 - Women are Strong
16 - What About Us
17 - Walk Me Home
18 - For Now
19 - Barbies
20 - I Am Here
21 - F**kin' Perfect
22 - My Daughter Is Beautiful
23 - Raise Your Glass
24 - Blow Me (One Last Kiss)
25 - So What
26 - Glitter in the Air

Para além do pop 

A cantora não é a única a estrear no principal palco do festival. Black Eyed Peas também chega na edição brasileira pela primeira vez com os hits "Where Is the Love", "Pump It", "I Gotta Feeling", responsáveis por consagrá-los na cena de música eletrônica e do dance pop. 

Formada há quase três décadas, o grupo de hip-hop vendeu mais de 76 milhões em álbuns e 91 milhões em singles lançados. Às 22h20, BEP sobe no Palco Mundo. 

Antes disso, a revelação do R&B contemporâneo, H.E.R, com apenas 21 anos e dona de um groove incomparável, conquistou a nobre posição de se apresentar no principal palco do festival às 20h10.

Lançada em 2016, pelo selo RCA Records, H.E.R. coleciona dois Grammys, como Melhor Álbum de R&B e Melhor Performance de R&B., e os hits "Focus" e "Best Part". 

Ao seguir o raciocínio das estrondosas revelações, não podemos deixar de falar de Anitta, que também sobe ao palco Mundo pela primeira vez. Concorrendo na categoria de Melhor Álbum no Grammy Latino com o último projeto, Kisses, a artista faz show às 18h. 

Como já prometido, a cantora pop fará um show equivalente a ascensão meteórica da carreira passando pela fase "Show das Poderosas", o projeto CheckMate - que inclui o sucesso "Vai Malandra" -, até as novas parcerias internacionais do projeto citado acima. 

Sendo uma artista global e que coleciona milhões de views e plays nas plataformas de streaming, segundo um levantamento feito pelo YouTube Charts, Anitta é a artista mais ouvida no YouTube Brasil entre todas as atrações principais presentes no line-up do festival.

Celebração de 30 anos do funk 

Enquanto do outro lado da Cidade do Rock, no Palco Sunset, a programação se volta para atrações ligadas a cultura do hip-hop e para o funk, como a primeira orquestra do gênero do mundo, Orquestra Funk

Ao lado de Ludmilla, Fernanda Abreu, Buchecha e Kevinho, os 22 músicos que integram o grupo, se apresentam às 15h30 no palco secundário do festival em prol da celebração das três décadas do funk com arranjos de cordas, metais e os beats eletrônicos do gênero. Além disso, os artistas farão um tributo a MC Sapão, morto em abril deste ano.

Às 16h55, um dos grandes nomes do rap nacional, Projota, chega ao Sunset com a liberdade lírica e letras envolventes ao lado de Giulia Be e Vitão. Quase que simultaneamente, o Rock in Rio recebe no Palco Supernova, a rapper Tássia Reis para divulgar o último projeto Próspera, lançado neste ano. 

A dupla Anavitória e Saulo chegam na sequência do show do Projota, às 19h05, para apresentar o folk-pop ao público do Rock in Rio. Com melodias e vozes doces, o encontro inusitado unirá o groove baiano com a atmosfera mais intimista das donas dos sucessos "Trevo" e "Fica". 

Para encerrar a programação, com múltiplas indicações ao Grammy e dono da canção mais vendida em todo o mundo, "See You Again"Charlie Puth chega no palco Sunset às 21h15 para provar que é um grande astro - e habilidoso artista - ao fazer músicas que fazem as pessoas dançarem e chorarem ao mesmo tempo. 


A Rolling Stone Brasil está no Rock in Rio 2019 a convite da Natura Musical