Lady Gaga e outras celebridades reagem à eleição de Donald Trump

Kristen Bell, Seth MacFarlane, Amy Schumer, Katy Perry e outros lamentaram a vitória do republicano
  • Imprimir
por Redação
9 de Nov. de 2016 às 13:46

Lady Gaga foi para a porta do famoso prédio Trump Tower, em Nova York, nesta quarta, 9, protestar após a vitória de Donald Trump na eleição presidencial norte-americana. A cantora segurava uma placa com a mensagem “amor supera o ódio” ("love trumps hate". Lady Gaga apoiava abertamente a candidatura de Hillary Clinton.

Trump, candidato do partido republicano, foi eleito presidente dos Estados Unidos, vencendo a disputa em 27 estados. Hillary Clinton, adversária do partido democrata, ganhou em 19 estados.

Em resposta, muitas celebridades utilizaram as redes sociais para opinar (a maioria negativamente) sobre a vitória de Trump. Veja abaixo algumas reações.



Quem mais quer vomitar?



Uma verdadeira American Horror Story



Eu acho que Trump pode estar certo. Esta merda é fraudada.



Quando vamos começar a pesquisar no Google “O que é Brexit?”



Alguns não gostavam de Bush. Alguns não gostavam de Obama. Mas isto é diferente. Esqueça "não gostar". Muitos estão genuinamente temerosos agora. Isto é novo.



Abracem uns aos outros. Ainda não acabou mas esta é uma razão para realmente olharmos para nós mesmos. O que motivou isto?



Se precisar de mim, estarei tomando um banho pelos próximos quatro anos.



Eu tirarei esta noite para ficar de luto pelas minorias, mulheres, imigrantes, muçulmanos e a comunidade LGBTQ, mas amanhã acordarei pronto para lutar.



Nem a FOX News consegue acreditar nisto.



A revolução está vindo.



Isto é nojento e é verdadeiramente desmoralizante a mensagem que passa. Boa noite.



Nós continuamos lutando. Pela igualdade. Pela inclusão. Pela oportunidade. Pela justiça. Pela ciência. Isto não é uma derrota. É um chamado às armas.


Respire. Inspire. Eu também estou surtando, mas juntos nós vamos ficar bem. Nós temos uns aos outros. Espalhe amor. Espalhe esperança.



O maior perdedor hoje é a raça humana. Porque a mudança climática será um problema na América de Trump. Isso é um assunto importante.



Isso não pode estar acontecendo agora.



América, você falhou. Mas que diabos. Devastador. Eu não vou reconhecer Donald Trump como nosso presidente, nunca.



Eu vou beijar meu filho que está dormindo e ir para a cama. Amanhã continuarei tentando criá-lo em um mundo que acabou de ficar muito mais assustador.


Enquanto a mais estreita esperança esmaece – uma vigília para nossa força. Nós vamos precisar dela agora mais do que nunca. Que aqueles entre nós que estão de luto encontrem espaço para compaixão. Nessas profundezas nós não devemos endurecer nossos corações. Com coragem e abertura nós devemos persistir.



Mais uma vez a América continua a falhar com as mulheres, minorias, muçulmanos, imigrantes, LGBTQ. Isso é tão nojento.