Com Patti Smith, U2 faz show em Paris e homenageia mortos em atentados terroristas

Apresentação estava marcada para fim de semana seguinte aos atentados na cidade francesa e teve que ser remarcada
  • Imprimir
U2
AP
por Redação
7 de Dez. de 2015 às 15:11

Após o adiamento de um show em Paris por causa dos atentados terroristas do dia 13 de novembro, o U2 voltou à cidade para realizar uma apresentação no AccorHotels Arena, no último domingo, 6.

Artistas prestam homenagens as famílias e as vítimas dos ataques terroristas em Paris .

A performance estava marcado para acontecer no último mês, no entanto, após os ataques que deixaram 130 mortos (entre esses, 89 estavam em uma apresentação do Eagles of Death Metal na casa de shows Bataclan), bandas como U2 e Foo Fighters optaram por cancelar compromissos em território europeu.

Eagles of Death Metal volta aos Estados Unidos após atentado durante show da banda em Paris.

Durante o show, o grupo homenageou as vítimas dos atentados, dispondo o nome de cada um deles em um telão, organizados em azul, branco e vermelho, compondo a imagem da bandeira francesa. Ao centro, estava o desenho do Jean Jullien, uma releitura do símbolo da paz que conta com a imagem da Torre Eiffel e que rodou o mundo após o atentado de 13 de novembro.

"Queremos ser os primeiros a tocar no Bataclan", dizem fundadores do Eagles of Death Metal.

“Estamos juntos às famílias que perderam entes queridos em Paris”, disse o vocalista Bono, segundo o jornal Irish Independent. “Estamos também com as famílias de San Bernardino. Estamos com as famílias de Beirute e Istambul. Estamos mais juntos do que aqueles com falsas ideologias sobre o Deus no qual acreditam.”

O grupo ainda ganhou a companhia de Patti Smith. A cantora subiu ao palco para interpretar as canções “Gloria” e “People Have the Power”, sucessos de Patti. Havia também a expectativa de que o grupo Eagles of Death Metal aparecesse no show, porém, isso não aconteceu.



Recomendadas