Kanye West responde críticas de Fern Mallis acerca de coleção para adidas Originals

Via Twitter, rapper afirmou que não desistirá do novo projeto como designer

Redação Publicado em 23/02/2015, às 14h14 - Atualizado em 19/03/2015, às 14h50

Kanye West

Ver Galeria
(2 imagens)

Recentemente, Kanye West estreou na semana de moda de Nova York com uma coleção em parceria com a marca adidas Originals. No entanto, a recepção da crítica foi extremamente exigente com a aventura do rapper.

Como Kanye West, veja 10 estrelas da música que cantaram para ditadores.

A designer Fern Mallis - uma das idealizadoras da New York Fashion Week - foi uma das mais duras ao falar sobre West: “Não ligo pra ele. Quero dizer que não gosto da música dele, do comportamento ou da agenda proposta por ele, Kanye West não faz meu estilo”, escreveu Fern em uma coluna dentro do Page Six, seção de entretenimento do New York Post.

As dez maiores brigas da história do rap.

Como era de se esperar, Kanye não demorou muito para falar sobre o assunto. Via Twitter, o rapper afirmou que “a tentativa de desenhar roupas foi algo desafiador”. “Além disso, encontrei muita intolerância no caminho. Tenho milhões de ideias e represento uma nova geração que tenta se expressar em um mundo falido”.

“Eu não me declaro um designer assim como não tinha permissão para ir a Saint Martins (conceituada escola de moda inglesa) – por ser famoso demais quando percebi que queria desenhar roupas. Fama, em diversos momentos, é desprezada no universo do design, foi algo que tive de superar.”

Kanye West: "Quero ser diretor criativo da Gap".

West terminou o tuíte com um desabafo em relação ao novo projeto e convidou Fern para uma conversa amistosa. “Todos temos nossos sonhos, as pessoas podem pisar neles e desmerecer as ideias, mas nós nunca vamos parar de lutar”, escreveu o rapper. “Eu quero inovar e nós vamos vencer algum dia. Se você quiser sair para tomar uma bebida e conversar comigo, reserve uma mesa no Spotted Pig (restaurante frequentado pelo rapper) quando eu estiver em Nova York”.