Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Além de Moonage Daydream: 3 documentários e cinebiografias de artistas que deram certo

Moonage Daydream, documentário sobre David Bowie, chega aos cinemas nesta quinta; confira outras produções sobre artistas

Dimitrius Vlahos Publicado em 15/09/2022, às 14h26

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Rocketman, Moonage Daydream (Foto: Divulgação)
Rocketman, Moonage Daydream (Foto: Divulgação)

Moonage Daydream chega aos cinemas brasileiros nesta quinta, 15. O documentário sobre David Bowie foi feito pelo cineasta Brett Morgen e é diferente das cinebiografias do Queen e Elton John por exemplo, pois não conta com atores encenando momentos da vida dos artistas, e sim, filmagem real do Camaleão do Rock.

De uma forma ou de outra, a representação de grandes nomes da música está em alta no cinema. Além de Bohemian Rhapsody (2018) e Rocketman (2019), Elvis Presley ganhou filme biográfico, enquanto os Rolling Stones terão série documental, entre os muitos exemplos.

+++ LEIA MAIS: Moonage Daydream: O que esperar do filme sobre David Bowie?

Confira 3 filmes (cinebiografias ou documentários) que funcionaram muito bem:

Control (2007) 

Filme chegou antes do grande foco de Hollywood no gênero, mas foi bem recebido pela crítica. Control retrata a história de Ian Curtis, vocalista do Joy Division. Baseado na biografia Touching from a Distance, escrita pela viúva, Deborah Curtis, longa mostra bastante fidelidade e recebeu aval dos integrantes remanescentes da banda. O título é referência à faixa "She's Lost Control."

Rocketman (2019)

Elton John foi celebrado no longa-metragem de Dexter Fletcher. Com o artista vivo e ativo, filme difere de produções póstumas, sendo aprovado por John. A narrativa acontece em flashbacks e conta com grandes momentos musicais.

Janis: Little Girl Blue (2015)

Assim como Moonage Daydream, Little Girl Blue é um documentário com filmagens do arquivo de Janis Joplin. O longa-metragem foi extremamente elogiado, com prêmios no Festival de Veneza e de Toronto, e retrata os poucos anos de carreira da artista.