Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Música / Rock

Há algo sobre o grunge que muitos fãs não entendem, segundo Buzz Osborne

Vocalista e guitarrista do Melvins citou fãs de Nirvana e Soundgarden ao tentar explicar comportamento do público

Buzz Osborne (Foto: via Wikipedia)
Buzz Osborne (Foto: via Wikipedia)

Responsável por revelar algumas das maiores bandas de rock da década de 1990, o movimento grunge se notabilizou por trazer uma estética muito própria — a ponto de bandas com diferentes influências serem rotuladas da mesma forma. São poucas as semelhanças musicais entre Nirvana, Alice in Chains, Pearl Jam e Soundgarden, por exemplo, mas há algo que conecta esses grupos.

Existem outros artistas que estavam ligados a esse movimento, como o Melvins, mas que não conquistaram o mesmo sucesso de alguns de seus contemporâneos. E o líder dessa banda, o vocalista e guitarrista Buzz Osborne, refletiu sobre a rejeição que parte dos fãs do movimento tem com relação a seu projeto.

Em entrevista à Revolver (via Ultimate Guitar), Osborne destacou que os próprios músicos do Nirvana e do Soundgarden eram fãs de Melvins. Kurt Cobain seria até mesmo produtor de um dos álbuns da banda. Porém, o público desses grupos não conseguia entender a admiração que os ídolos tinham para com ele.

“Milhões e milhões de pessoas gostam do Nirvana, mas milhões dessas pessoas não vão gostar de nossas coisas. Eles não conseguem entender por que o Nirvana gostava de nós, o que mostra que eles não entendem o que seus ídolos pensam pensam.”

Ao citar o exemplo do grupo comandado por Chris Cornell, ele destacou:

“O mesmo acontece com o Soundgarden. Muitos fãs do Soundgarden não conseguem entender por que eles gostariam de uma banda como nós — é porque você não consegue entendê-los. Eles gostam de nós; você sequer acredita nisso. Você não entende.”

Melvins e o sucesso apenas limitado

Embora seja citado como um nome influente no underground, o Melvins — como já destacado — não atingiu o mesmo sucesso de outros contemporâneos da cena grunge. Buzz Osborne diz não se importar com isso.

“Não há nada que eu possa fazer com relação a isso. É assim que as coisas são. Não me importo com isso, estou bem com essa situação. Milhões de pessoas não vão gostar de nossas coisas, mas muitas vão. Fico muito grato pelo que tenho.”

Por fim, ele destacou que “a música underground mudou a atitude do Nirvana dentro do possível”.

“Antes, eu via que faltava algo na música — o perigo, de certa forma; o peso que era parte Birthday Party, parte Throbbing Gristle, parte Black Sabbath. Havia um elemento nesses artistas que me fazia pensar: ‘é isso que quero fazer’.”