700 gravações inéditas do Thin Lizzy são descobertas

Ainda sem previsão de lançamento, material foi dado pelo vocalista Phil Lynott, cuja morte completou 26 anos nesta quarta, 4

Redação Publicado em 04/01/2012, às 13h09 - Atualizado às 13h16

Thin Lizzy
Reprodução/Site Oficial

Nesta quarta, 4, completando 26 anos da morte do vocalista e guitarrista do Thin Lizzy, Phil Lynott (terceiro na foto ao lado, da esquerda para a direita), foi anunciado que um vasto material de 700 gravações inéditas, feitas antes de 1986, foi descoberto. Elas foram dadas pelo próprio Lynott a um amigo, que as deu para a gravadora Universal Music. As informações são do site Music News.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Além de versões alternativas de músicas já lançadas pela banda, o material deverá conter muitas músicas inéditas, compostas entre o primeiro disco homônimo de 1971 e o álbum Renegade (1981). Os integrantes remanescentes do Thin Lizzy, Scott Gorham e Brian Downey, irão decidir quais músicas irão integrar um box especial que venha a ser lançado.

Phil Lynott morreu no dia 4 de janeiro de 1986, aos 36 anos. Ele teve um colapso pouco antes, na noite de Natal, em Londres e, com baixa imunidade, sua morte ocorreu em decorrência de uma forte pneumonia e falência múltipla dos orgãos. Em 2005, uma estátua em tamanho real de bronze foi erguida em sua homenagem na Irlanda, em Dublin.

Leia também