Amy Adams pode viver Janis Joplin em cinebiografia com diretor de Clube de Compras Dallas

Além de Jean-Marc Vallee, produção negocia com roteiristas do filme indicado ao Oscar

Redação Publicado em 22/11/2014, às 18h40 - Atualizado às 19h22

A cantora Janis Joplin e a atriz Amy Adams
AP

A cinebiografia de Janis Joplin pode finalmente sair do papel, segundo aponta o site do The Hollywood Reporter. O filme deve ser comandado pelo diretor de Clube de Compras Dallas Jean-Marc Vallee, e a atriz mais cotada no momento para ser protagonista é Amy Adams (Trapaça, Encantada, O Mestre).

Relembre grandes momentos do Woodstock, que completa 45 anos e teve Janis Joplin como grande atração.

De acordo com o site, esta é mais uma tentativa de colocar em prática os planos de uma cinebiografia da cantora, que já teve Fernando Meirelles, Lee Daniels e Catherine Hardwicke como possíveis diretores. A própria Amy Adams já havia sido cogitada para o papel, em meados de 2010.

Além de Jean-Marc Vallee – cujo longa Livre entra em cartaz no Brasil em janeiro de 2015 –, a produção está negociando com os roteirista de Clube de Compras Dallas, Craig Borten e Melisa Wallack, indicados ao Oscar deste ano na categoria Melhor Roteiro Original.

Edição 49 (Arquivo RS) – O Adeus a Janis Joplin.

Segundo o Variety, os produtores parceiros Ron Terry e Nathan Ross pretendem rodar a cinebiografia a partir do meio do ano que vem em Los Angeles e São Francisco, nos Estados Unidos, onde Janis Joplin começou a carreira, no meio dos anos 1960.

Janis tornou-se inspiração para milhares de mulheres interessadas em soltar a voz no rock 'n' roll, perpetuando seu grito rasgado e intenso, tornando-se uma das maiores figuras femininas do gênero musical até hoje. Ela morreu aos 27 anos, em outubro de 1970.