Pulse

Após ganhar dois Globos de Ouro, Brian May fala sobre críticas a Bohemian Rhapsody

O guitarrista do Queen disse que os críticos que reclamaram do filme se precipitaram demais

Redação Publicado em 08/01/2019, às 15h17

None
Brian May (Foto:Evan Agostini/Invision/AP)

Após Bohemian Rhapsody levar para casa dois Globos de Ouro - o de Melhor Ator em Drama para Rami Malek e sua interpretação de Freddie Mercury, e Melhor Filme de Drama -, Brian May voltou a comentar as crítias feitas ao filme do Queen.

Apesar de ter se tornado a maior cinebiografia musical da história, o longa recebeu diversas críticas negativas, sendo que as maiores queixas ficaram por conta de terem abordado de forma superficial tanto a bissexualidade quanto o abuso de drogas que o vocalista enfrentou.

May revelou ao site Deadline que as críticas foram muito precipitadas, e que esse foi o maior erro dos críticos, acrescentando também que "uma vez que as pessoas reclamam de algo, é muito difícil para elas voltar atrás". 

Lucy Boynton, que atuou ao lado de Rami Malek na produção, disse que a reclamação sobre a falta de profundidade no retrato da orientação sexual de Mercury é "frustrante". "Se tem uma coisa que nos orgulhamos nesse filme é que, na minha opinião, não passamos do limite quanto à exposição ou indiscrição", afirmou.