Brian May revela o que Freddie Mercury teria detestado fazer em Bohemian Rhapsody

O guitarrista também afirmou que jamais conheceu alguém igual ao cantor e que isso "provavelmente nunca vai acontecer"

Redação Publicado em 13/12/2018, às 16h26

None
Brian May e Roger Taylor (Foto:Evan Agostini/Invision/AP)

Desde o lançamento de Bohemian Rhapsody, Brian May vem revelando aos poucos, em cada entrevista concedida, novas curiosidades sobre o processo de produção do longa que já se instaurou como a maior cinebiografia de todos os tempos. Desta vez, o músico conversou com o Louder Sound e revelou uma coisa que ele tem certeza que Freddie Mercury não teria gostado de fazer para o filme.

De acordo com ele, o vocalista "não gostava de repetir coisas. Paciência não era a maior virtude de Freddie. Ele teria achado difícil comparecer todo dia ao set de filmagem. Isso não teria durado muito."

Além disso, May também expressou sua satisfação com o resultado da produção, afirmando que o longa "nos satisfaz. Nos faz sentir algo. Já assisti centenas de vezes, tanto em partes quanto inteiro, e ainda me pega de jeito. É muito emocional." 

Rebatendo as críticas sobre o filme não representar Freddie da maneira mais precisa, o guitarrista e integrante do Queen diz também que "[O filme] Mostra toda a grandeza, todas as falhas e inseguranças dele. Ele é retratado de forma fiél e não idealizada, mas de forma que seus talentos são celebrados, porque ele com certeza era único", acrescentando que jamais conheceu alguém igual ao cantor e que isso "provavelmente nunca vai acontecer".