Brian Wilson completará canções de George Gershwin

Músico recebeu permissão de herdeiros do compositor para finalizar músicas deixadas em aberto há mais de sete décadas

Da redação Publicado em 09/10/2009, às 12h03

Brian Wilson, principal nome do Beach Boys, vai finalizar pelo menos duas canções de George Gershwin. Morto em 1937, aos 38 anos, o compositor de "Rhapsody in Blue" e "Someone To Watch Over Me" teve repertório gravado por várias gerações, de Miles Davis e Ella Fitzgerald a Madonna e Sting.

De acordo com o jornal The Los Angeles Times, os herdeiros de Gershwin autorizaram a retomada das composições, iniciadas há mais de sete décadas, por Wilson. O plano é lançá-las no ano que vem.

Wilson, mente por trás de hinos do pop sessentista como "Surfin' U.S.A." e "God Only Knows", recebeu aval de Todd Gershwin, bisneto do compositor e um dos administradores do espólio. "George era um visionário do seu tempo. Ele certamento cruzou gêneros e estilos musicais, tentou coisas que não haviam sido feitas antes, e Brian Wilson fez exatamente a mesma coisa."

Todd estipulou o legado musical de seu bisavô: são dúzias de fragmentos, entre eles faixas quase terminadas. Ele e outros herdeiros passaram os últimos dois anos à procura de artistas interessados em lapidar o material. O familiar adianta que, mais adiante, outras canções nunca finalizadas poderão compor álbum-tributo ao Gershwin veterano, com previsão de lançamento para 2010.

Wilson - para quem "Rhapsody in Blue" é a memória musical mais antiga - espera estar "apto a fazer justiça" às músicas de Gershwin (que compunha boa parte das canções ao lado do irmão, o letrista Ira Gershwin). Segundo o LAT, os pedaços em que trabalhará deverão permanecer instrumentais, o que pode significar arranjos pop orquestrais.

Em 2004, Wilson lançou outro cancioneiro posto há décadas em banho-maria: o álbum Smile. O projeto foi iniciado em 1966, sob a asa dos Beach Boys. No ano passado, ele lançou That Lucky Old Sun.