Bruce Springsteen faz tributo emocionado a veteranos de guerras tocando “The Wall”; assista

O cantor dedicou a canção a dois amigos de infância dele, que morreram durante a Guerra do Vietnã

Rolling Stone EUA Publicado em 26/05/2014, às 15h44 - Atualizado às 16h32

Bruce Springsteen
Felipe Dana/AP

Bruce Springsteen fez um tributo a ex-militares de todas as guerras em um show recente em Charlotte, na Carolina do Norte, tocando a faixa “The Wall”, de High Hopes. Introduzindo a faixa como “uma curta oração ao meu país”, ele explicou que a letra da canção foi inspirada pela memória de um antigo amigo dele, Walter Chichon, o vocalista de uma banda chamada Motifs, da região onde Bruce Springsteen cresceu. Tanto Walter quanto o irmão dele, Ray, que ensinou Springsteen a tocar guitarra, morreram na Guerra do Vietnã com 19 anos de idade. Springsteen fez o tributo a eles e a Bart Haynes – baterista da primeira banda dele, o Castiles – que também morreu na mesma guerra. O “muro” (do título “The Wall”) em questão na música, é o Vietnam Veterans Memorial, em Washington, nos Estados Unidos.

Bruce Springsteen faz cover de “Royals”, da Lorde, na Nova Zelândia.

“Foi uma tremenda, tremenda perda”, ele disse, se referindo aos amigos que haviam morrido. “Para a nossa vizinhança, para a nossa cidade, para aquela coisa dentro de você que faz sentir, de alguma maneira, com que os melhores deveriam tomar um tiro. E, para ser sincero, conforme seguimos em frente, e eu encontrei vários ex-militares que estiveram em Vietnã... que se machucaram e estavam terrivelmente feridos e que juravam para eles mesmo, ‘Nunca mais, nunca mais’. Mas claro que isso sempre acontece novamente. Então, essa vai para todos os veteranos de guerras por aí”.

Assista abaixo: