Chitãozinho e Xororó salvam VMB 2008

Dupla ganha a platéia com hit "Evidências", da década de 90; NX Zero é a banda brasileira do ano, e ingleses do Bloc Party são vaiados

Por Carolina Requena Publicado em 03/10/2008, às 17h57 - Atualizado em 20/02/2013, às 15h06

Bloc Party faz playback na festa da MTV Brasil e é vaiado

Ver Galeria
(10 imagens)

Numa noite em que os adolescentes da banda Strike ofereceram o prêmio "artista revelação" a seus empresários, o grupo novo de Junior (ex-Sandy&Junior) cantou "Precisamos de melhor nível cultural / De maneira geral" e o NX Zero cravou "Esse prêmio [artista do ano] é só pra vocês, fã clube!", o momento mais caloroso só poderia ter sido o hit "Evidências" - da década passada - cantado pelos veteranos Chitãozinho & Xororó.

Uma das "festas da música brasileira", o VMB 2008 foi transmitido ao vivo pela TV diretamente da casa de shows Credicard Hall, em São Paulo, nesta quinta-feira, 2.

Gabando-se do conceito de interatividade com os internautas, destaque do discurso roteirizado do apresentador Marcos Mion (que estava com a depilação em dia), a premiação "feita por você" tornou a repetir o resultado de prêmios sem interferência da crítica: prevaleceu a escolha dos fãs-clube, e o NX Zero acumulou mais alguns dos troféus que sua "família" de seguidores, como chama a banda, lhe garante nessas ocasiões: foram três estátuas de cachorro - artista do ano, hit do ano e clipe do ano, os dois últimos por conta da música "Pela Última Vez", cujo refrão se repetiu no evento algumas vezes, num desafio paradoxal aos ouvidos dos presentes.

Antes de Chitão e Xororó promoverem o grande karaokê da noite, dois artistas cativaram a platéia: Marcelo D2 (concorrente a melhor clipe), cantando "Desabafo", e Vanessa Da Mata (na disputa por artista e hit), fazendo uma versão delicada e visualmente bem-sucedida do hit de 2007 "Boa Sorte/Good Luck", vestida num longo escuro e rodante ao lado do norte-americano Ben Harper e de sua banda.

Vaias

A outra atração internacional, Bloc Party, não entregou o pré-show esperado pelos interessados no festival Planeta Terra (marcado para 8/11), fazendo o único playback da noite - opção que o Bonde do Rolê deveria ter levado em consideração, já que as substitutas da vocalista Marina não têm afinação vocal e nem a presença de palco da ex-frontwoman do ex-trio.

À frente do Bloc Party, Kele Okereke fingiu que tocava guitarra e cantava, enquanto Matt Tong não fingiu que tocava bateria, atirando as baquetas pro ar. O público vaiou as duas músicas, "Talons" e "Banquet". Nesta sexta-feira, 3, a MTV informou à reportagem que o playback foi "pedido da produção da banda". No entanto, numa espécie de protesto (ou surto de arrependimento), Tong empurrou toda a bateria pra frente no fim da segunda performance.

A "banda dos sonhos" do 14º Video Music Brasil deixou de conter os eternos escolhidos Pitty, Japinha e colegas da nova geração roqueira do Brasil para reunir Bi Ribeiro e João Barone (baixista e baterista do Paralamas do Sucesso, respectivamente), Chimbinha (guitarrista da banda Calypso) e Marcelo D2, que fizeram uma curta seção de improviso com base de reggae.

Num momento ainda mais sucinto, o guitarrista Andreas Kisser subiu a um cantinho do palco e dedilhou sua guitarra por menos tempo do que a vinheta com depoimentos sobre ele.

O encerramento da festa da música ficou por conta do trunfo da MTV, o humorista Marcelo Adnet, que cantou "Furfles Feelings", hit de seu programa, 15 Minutos, depois de se dedicar a eficientes imitações musicais nas vozes de Caetano Veloso e Silvio Santos.

Veja, em negrito, os premiados:

Artista do ano

Cansei de Ser Sexy

Bonde do Rolê

Fresno

NxZero

Pitty

Charlie Brown Jr

Cachorro Grande

Mallu Magalhães

Nando Reis

Vanessa da Mata

Hit do ano

NxZero - "Pela última vez"

Strike - "Paraíso proibido"

Fresno - "Uma música"

Vanessa da Mata e Ben Harper - "Boa sorte/Good luck"

Charlie Brown Jr - "Pontes indestrutíveis"

Melhor videoclipe

NxZero - "Pela última vez"

Cachorro Grande - "Roda gigante"

Cansei de Ser Sexy - "Rat is dead"

Charlie Brown Jr - "Pontes indestrutíveis"

Nação Zumbi - "Bossa nostra"

D2 - "Desabafo"

O Rappa - "Monstro invisível"

CPM22 - "Escolhas, provas e promessas"

Bonde do Rolê - "Solta o frango"

Pitty - "De você"

Banda/Artista revelação

Mallu Magalhães

Strike

Vanguart

Ponto de Equilíbrio

Roberta Sá

Show do ano

Cachorro Grande

Mallu Magalhães

Os Paralamas do Sucesso e Titãs

Pitty

Zeca Pagodinho

Aposta MTV

Turbo Trio

3 na Massa

China

Garotas Suecas

Rosana Bronk's

Melhor artista internacional

Amy Winehouse

Britney Spears

Coldplay

Justice

Madonna

Paramore

Radiohead

MGMT

Katy Perry

Kanye West

Webhit do ano

"As meninas de Inri Cristo"

"Dança do quadrado"

"MC Creu"

"A gaga de Ilhéus"

"A drag a gozar"