Chris Brown falha em exame surpresa e pode voltar à prisão por uso de maconha

Rapper está em liberdade condicional e terá que comparecer ao tribunal no dia 1º de novembro

Redação Publicado em 25/09/2012, às 11h45 - Atualizado às 12h00

Chris Brown será estrela de comédia romântica
AP

Chris Brown foi submetido a um exame surpresa para detectar uso de substâncias ilícitas – e foi reprovado. O rapper está atualmente em liberdade condicional por agredir sua ex-namorada Rihanna em 2009 e ao falhar no teste em junho foi chamado para uma audiência em Los Angeles marcada para novembro. As informações são da agência Reuters.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Na audiência, será decidido se o rapper, ao fumar maconha, violou ou não as condições estabelecidas para o cumprimento de sua pena de cinco anos em regime aberto. A juíza Patrícia Shnegg afirmou que o rapper apresentou carteirinha médica que permite o uso da substância, e que isto não caracteriza descumprimento das condições estabelecidas para sua condicional.

Mas a juíza afirmou ao cantor que ele deveria, por ser uma celebridade, servir de exemplo aos fãs. “O senhor não é qualquer pessoa, que pode sentar em sua sala e fazer o que quiser”, disse a juíza. “E o mais importante: muita gente te olha, muitas crianças. Seus atos têm grandes impactos”.

Chris Brown deverá voltar ao tribunal no dia 1º de novembro. Na semana passada ele já havia passado por outros problemas, depois que um promotor levantou dúvidas sobre seu cumprimento das horas de serviço comunitário.